Header Ads

Você sabia que o Doutor Estranho chegou a usar máscara?


Chegamos a outra semana (atrasada) de Cosmo Nerd. Mas acredite você, é a primeira vez que eu escrevo a coluna. Oficialmente. Meu primeiro texto com a tag foi o especial de Metal Gear Solid, mas ainda não era a quinzena certa, só que eu deixei do mesmo jeito. Living la vida loca. Se você é fã da franquia do Kojima, recomendo a leitura, claro. Os textos escritos pelo Waka você confere aqui e aqui. Dica de amiga.

Falando do hoje, quero investigar uma daquelas histórias obscuras que eu adoro: você sabia que o Doutor Estranho chegou a usar máscara? Porque é claro que nós vamos falar dele mesmo, Stephen Cumberbatch. Tudo começou numa galáxia perdida em 1969. Com o lançamento da edição 177 de Doctor Strange, Roy Thomas, Gene Colan e Tom Palmer tiraram Stephen Strange e Clea da nossa dimensão, e foi aí, "do lado de fora" que eles ficaram presos.

Agora pegue um vilão que assume a identidade do Feiticeiro Supremo, coloque sal a gosto e misture bem.


Achou... Estranho? É porque você não viu a forma que o Doutor arranjou pra sair do problema.



Exatamente! Strange resolveu fazer cosplay de Pantera Negra e colocou uma máscara. 

(Ok, não é cosplay, mas a máscara aconteceu mesmo)

E o vilão? De forma muito conveniente ele... Morre. Sem maiores explicações.


Mas a melhor parte do Cosmo Nerd é agora: Strange vence a luta, mas decide manter a máscara. Ele decide que ninguém deve saber a sua identidade verdadeira, mas Strange, querido: seu alter ego por um acaso usa o seu nome de batismo. Meio tarde pra pensar nisso agora, hein?


Obviamente que a culpa não foi do pobre do Strange, e sim das vendas ruins da HQ que levaram o time responsável a essa ideia maravilhosa, na esperança de deixar o personagem com uma cara mais de rica herói. Thomas até fez a própria série explicar a coisa do "o nome dele ainda é Stephen Strange" na edição 182, onde a Eternidade cria uma nova identidade e transforma o Stephen Strange em Stephen Sanders.


De qualquer forma nada disso adianta, pois a edição #183 termina no suspense do mesmo jeito...


... E a série é cancelada.

Mas alegria! Na edição #126 da série Incredible Hulk de Roy Thomas e Herb Trimpe, publicada em 1970, o Gigante Esmeralda encontra assim, simplesmente do nada, um Doutor Estranho e preso.




Dai você deve pensar: Bruna, diz que terminou aí, por favor? Quem dera. Voltamos em 1971 com a formação dos Defensores na edição #1 de Marvel Feature, onde uma história secundária mostrou Strange assumindo de volta sua identidade ao visitar a antiga casa, e encontrando um estranho (hãhã) dizendo ele ser o Feiticeiro Supremo. Que por outro acaso acontece de ser a Paulina Martins o Barão Mordo.



Assim o Doutor Estranho volta a ser estranho, normalmente e malandramente, fim do impasse. E dos trocadilhos infames com A Usurpadora.


Histórias de séries canceladas terminadas em outras séries de HQ é uma ocorrência comum no meio dos quadrinhos, bem como as histórias bizarras. Stephen não foi o único, e dificilmente vai ser o último. E aí, sua cabeça sobreviveu a viagem? Conta aí nos comentários o que você achou, ou se tem algum caso desse tipo que você conhece e só te faz pensar que não está sendo fácil.

Sobre Bruna

A loca de todas as coisas. Devota de Céline Dion. Mini Wikipedia de Scarlett Johansson Facts.™ Eu gosto de romances como eu gosto do meu café.

(Eu não tomo café)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.