Header Ads

Sobre Rogue One, representação e expansão do universo Star Wars


No próximo dia 15 Star Wars, uma das maiores franquias do entretenimento, começa a escrever uma nova história. Literalmente. O aguardado Rogue One estreia nos cinemas mostrando o lado mais humano e "sujo" da vida de guerra numa galáxia muito, muito distante, dispensa Jedis, Sabres de Luz, tem personagens carismáticos e o icônico Darth Vader. Como a Lucasfilm vem encarando tudo isso?

Durante transmissão do carpete vermelho na premiere de Rogue One, Kathleen Kennedy, presidente da companhia, falou sobre a natureza arriscada do longa, bem como o desejo de expandir a franquia em termos culturais. Para ela, Rogue One é de certa forma arriscado por ser um spin-off, ligado a uma história maior, mas ao mesmo tempo se sustentando nos próprios pés, por isso a expectativa é de não ganhar sequência.

Tal como tudo na vida, Kennedy comentou que correr riscos era algo necessário para manter Star Wars novo e animador para os fãs.

"Acho que estamos correndo um risco," ela disse. "A melhor coisa é que, se formos manter Star Wars vivo, e formos tornar interessante para os fãs e nós mesmos, teremos que nos esforçar. E temos que apostar nessas histórias, encontrando novas aventuras, tecnologia e grandes novos personagens."

As primeiras reações foram boas. A expectativa é do longa faturar bem na estreia. E a presidente comanda um movimento de mudança muito interessante dentro da Lucasfilm. Seria Star Wars capaz de manter os fãs de costume, mas se reinventar para conquistar as novas gerações? Kennedy falou sobre o status das personagens femininas na franquia, depois de Daisy Ridley em O Despertar da Força e Felicity Jones em Rogue One.

Eu acho que o legal é estarmos chegando em um ponto onde estamos tendo simplesmente grandes atrizes nesses papéis. É isso o que eu espero - que nós nem tenhamos que falar sobre isso. É ótimo para as mulheres, mas é ótimo para todos. O que eu estou mais animada é que enquanto nós expandimos Star wars, expandimos nossos personagens, culturas, e representamos o mundo. Esse é o meu sonho a longo prazo.

Rogue One: Uma História Star Wars estreia nesta quinta-feira, abrindo o caminho para o Episódio VIII em 2017, seguido do spin-off do Han Solo, com Emilia Clarke no elenco, em 2018. Existem rumores de spin-off do Boba Fett e que o Obi-Wan Kenobi não foi esquecido no churrasco. Difícil não se animar.

Sobre Bruna

A loca de todas as coisas. Devota de Céline Dion. Mini Wikipedia de Scarlett Johansson Facts.™ Eu gosto de romances como eu gosto do meu café.

(Eu não tomo café)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.