Header Ads

Vamos falar sobre o lançamento do Nintendo Switch?


Na madrugada de quinta para sexta 13 o mundo nerd parou para ver o lançamento do Nintendo Switch, novo portátil da Big N com a missão de defender os frascos, comprimidos, e redimir os erros do pecador Wii U. Será? A pessoa que vos fala foi comentando a apresentação no Twitter (e você devia seguir o @ArmaduraNerd se ainda não segue, viu?), e passada a hype, é hora de explicar aqui toda a brincadeira e óbvio, comentar de novo.

Preço e data de lançamento
Todo mundo queria saber a data de lançamento do novo Zelda, claro. Mas depois disso a correria era saber a data de lançamento e o preço do Nintendo Switch, o que agora nós temos: será no dia 3 de março, ou seja, são mais ou menos dois meses arrumando a casa e preparando o caminho para o novo portátil da empresa. Parece pouco tempo? Não de todo.

E vamos falar de preço, preço, preço. #BotinniFeelings O Switch será vendido por 300 dólares, tem memória interna de 32GB e virá em duas versões diferentes: uma com os controles Joy-Con cinzas, a que vem sendo divulgada desde o anúncio, e outra com um controle azul e vermelho, apelidada de "neon."

Na pratica essas versões/bundles vem com os seguintes itens:


O Switch terá 3 modos de jogo diferentes
Você pode jogar com o Switch numa base e ligado na TV, um recurso que o Wii U já tinha, ou então como o bom e velho portátil. Por fim existe o modo mesa, onde é destacar os controles para alguns solo ou até mesmo multiplayer. Vamos de imagens:



Sim, Breath of the Wild também sai no dia 3 de março
O grande mistério foi resolvido. The Legend of Zelda: Breath of the Wild também será lançado no dia 3 de março, junto com Just Dance 2017, Skylanders Imaginators e o 1-2 Switch, que novamente passou uma forte vibe das ideias de interatividade dos Wii:


Cuidado - vídeo não recomendado para os fracos de coração: 


O próximo Mario será Super Mario Odyssey
De forma concreta, só Breath of the Wild tinha me animado em matéria de jogos.. Até mostrarem Super Mario Odyssey! O game põe o encanador num mundo sandbox com cenários diferentes e bem bonitos, incluindo uma metrópole super populosa. É muito engraçada a ideia do Mario fazendo as acrobacias de costume numa cidade, parece parkour.

Como sempre o objetivo é salvar a Peach... Vamos então falar do chapéu do Mario, ajudando ele nas acrobacias e etc? Fico pensando se vão fazer dele o novo Kazooie/Ezlo da Nintendo. Seria bem legal.


Ao todo, 80 games virão para o Switch
Por enquanto Breath of the Wild e o novo Mario são os mestre-sala e porta bandeira do Switch, não dá pra negar. Entretanto, eles não são os únicos chegando para o novo console: Has Been Heroes, I am Setsuna, Sonic Mania, Lego City Undercover, Snipperclips: Cut it Out, Together!, Mario Kart 8 Deluxe, NBA 2K18, Rayman Legends Definitive Edition e Elder Scrolls V: Skyrim vem também. Ah! E vai ter Ultra Street Fighter II, uma decisão segura da Capcom pra ver como o reagem ao console com games de luta e tal.

Mas sabe o melhor? Também teremos games inéditos! Splatoon 2Xenoblade Chronicles 2, Fire Emblem Warriors, Shin Megami TenseiSteep, da Ubisoft, Project Octopat Traveler, novo RPG da Square Enix, Puyo Puyo Tetris, e Super Bomberman R, estão na lista. Konami fazendo alguma coisa boa da vida? Pois é.. Estamos em outra realidade, Terra-2 se bobear.









E eles vão custar 60 dólares
É o mesmo preço na qual os games do Wii U são vendidos atualmente, o que dá quase 193 golpes de reais. O único a ser vendido mais barato é o 1-2 Switch, que sai por 50 dólares no varejo. Inclusive já divulgaram as capinhas de alguns games, e elas são bem legais:


A bateria do Switch terá até seis horas de vida útil
O maior vilão de tudo que é mobile é a bateria: celular, tablet, notebook, GPS, telefone sem fio, nossos portáteis. Quando não estiver plugado na base, o meio padrão de recarga, você pode esperar entre duas horas e meia até seis horas de jogatina com as melhores configurações. Breath of the Wild pode rodar por quase três horas antes de recarregar.

Ah! E o Switch também vai usar USB-C como forma de recarga.

Touchscreen e resoluções 
O Nintendo Switch tem touchscreen, e pode fazer mais do que os touchs do Wii U/3DS, pois esse é multi-capacitivo, do jeito que acontece com um smartphone, basicamente.

E aquele assunto que sempre gera muita discussão: a resolução dos jogos. Nos modos portátil ou mesa, eles rodam a 720p. No modo base, eles rodam a 1080p.

Conteúdo online pago... A PS Plus/Xbox Live da Nintendo?
Para jogar games multiplayer online, você terá que pagar uma assinatura que começa nos próximos meses, então fique de olho. Entre os recursos estão chat por voz, descontos e games clássicos para donwload grátis todo mês. É por isso que você derrubou tanto fan game em 2016, Nintendo? 

Enquanto isso, todo mundo que tiver uma Nintendo Account pode testar o multiplayer de graça. Aqui, vamos conferir as vantagens do serviço:

Clique para ampliar

Os recursos dos controles Joy-Con
Eles não são apenas um nome engraçado e rostinho bonito, os controles do Switch tem conteúdo! O primeiro e básico é serem destacáveis do console, e outro é um sensor infravermelho em cada um que permite movimento, e o "HD Rumble," que é literalmente o retorno do Rumble Pack (com algumas diferenças, claro).

Na prática, por exemplo, o Arms vai se apoiar na questão do movimento dos controles com os jogadores dando socos, enquanto o 1-2- Switch vai se apoiar mais na questão das vibrações do rumble. Veja em detalhes os elementos dos Joy-Con:


Bruna, eu entendi. Mas como é que eles funcionam na prática? Eu mostro:


Os acessórios do Switch poderão ser comprados separadamente
Uma coisa que eu lembro ter matado o Xbox One no começo era a obrigatoriedade do Kinect, o que obviamente/automaticamente subiu ainda mais o preço do já caro console. E deu bem errado. Diferente deles, os Joy-Con podem ser comprados separadamente em mais de uma cor individual: cinza, vermelho, azul, ou azul e vermelho no pesco pacote. Eles vão custar 50 dólares separadamente, e 80 juntos, já com aquelas pulseiras pra você segurar.

Mas existem os periféricos extras. O controle Pro, outro carregador/base para o Switch, e mesmo um volante já estão disponíveis. Mas o preço já deixou algumas cabeças rolando... De raiva e desgosto: a base, com adaptador AC e cabo HDMI vai custar 90 dólares. O controle Pro? 70 dólares

Nintendo Switch sem trava de região!
Fails a parte, uma coisa muito legal que decidiram é manter o console sem trava de região, como no Wii U e outros consoles. Isso vai facilitar muito a vida de quem quiser comprar o game X em um lugar que custe mais barato e seja fora do país de onde vem o console, por exemplo. Ou seja, se você tiver um amigo fora do Brasil, já peça assim, como quem não quer nada, uns jogos de presente.

Compartilhe screenshots
Um detalhe "bobo," mas tem gente que gosta. Com o Switch você também vai poder compartilhar screenshots através de um botão. Em breve também será possível fazer isso com vídeo.

Meio que resumindo
A hype inicial desviou o julgamento de muitas pessoas que assistiram a apresentação, mas a real que a pessoa que vos fala sente/sentiu, é: umas boas ideias aqui, outras ali, mas na prática não é nada tão ousado e chamativo, e agressivo para o público da Nintendo que cresceu, agora faz faculdade, trabalha, mas ainda não larga um bom Pokémon (aliás, cadê Pokémon no Switch?). Pelo menos pra mim.

Se eu tivesse que comprar o console aqui e agora, não teria incentivo pra'lém de Zelda e o novo Mario. Bomberman eu adoro, mas a medida que passaram a focar mais no multiplayer, acabei broxando. Então gastar 966 reais imdiatos num console só por dois jogos é suicídio na realidade brasileira. Até por mais do que isso seria, risos nervosos.

Será que os fãs da casa terão motivos pra realmente investir dinheiro no console? Bem possível que sim. Será que os fãs casuais vão sentir o mesmo engajamento? #Descubra

Esse post é basicamente um apanhado do caldo grosso de feijão que saiu no lançamento do Nintendo Switch. Fique com o Armadura Nerd que ao longo da programação vamos cobrindo alguns detalhes a mais. 

Sobre Bruna

A loca de todas as coisas. Devota de Céline Dion. Mini Wikipedia de Scarlett Johansson Facts.™ Eu gosto de romances como eu gosto do meu café.

(Eu não tomo café)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.