Header Ads

Marvel vs Capcom: Infinite não vai sacrificar o competitivo em prol do casual


Se qualquer game de luta quer ser bem sucedido nos dias de hoje, é preciso bem mais do que manter apenas o público do nicho, disposto a gastar horas aprendendo e superando o sistema. Ou melhor.. 

...Na real, é uma lógica que se aplica a qualquer parte do entretenimento.

E devido a popularidade imensa dos personagens da Marvel, impulsionada pelos filmes, você pode imaginar o potencial de Marvel vs Capcom: Infinite para atrair jogadores casuais, deixando desde já a parcela competitiva preocupada de que a Capcom simplifique as coisas para tornar o game mais acessível.

Não será o caso.

Durante entrevista ao Eurogamer, Peter "Combofiend" Rosas da Capcom, falou sobre esse assunto tão espinhoso:

Infelizmente parece que existe essa mentalidade, onde você sacrifica a profundidade pela acessibilidade, mas não é o caso aqui. De forma nenhuma.

O motivo? Vai vendo.

Quando saiu a informação de que seria menos complicado fazer combos em MvCI, a comunidade de jogos de luta antecipou tudo, até a falta de potencial do game para os torneios. Combofiend explicou o que esses comandos simplificados são, e como eles se encaixam na figura maior, sem interferir na vida dos jogadores mais experientes.

Quando você tem comandos simples, isso dá aos jogadores acesso rápido aos seus personagens. E isso permite a eles ter uma boa sensação do game, rapidamente. De forma ideal, isso levaria eles a querer explorar os personagens ainda mais, continuando a jogar, e basicamente tornando-se jogadores mais experientes.

Para os jogadores hardcore, que planejam investir tempo e esforço, eles terão acesso ainda mais profundo aos seus personagens. Eles poderão fazer coisas que uma pessoa sem prática não poderá. Não existe sacrifício real sendo feito aqui.

Street Fighter V é o queridinho do circuito competitivo atual, e com frequência você vê as críticas por ser um game onde é um pouco fácil de vencer, basta encaixar um golpe de grande dano no momento certo (e convenhamos, isso acontece mesmo). Entretanto, parece que a Capcom mudará a abordagem com MvCI, de forma que os limites entre o nível casual, e o nível competitivo fiquem realmente claros.

(O que a Pessoa que Vos Fala™ não acha ruim de ser feito)

Para quem nunca jogou um jogo de luta, se eles quiserem simplesmente pressionar o botão das joias, ou de ataque com seus personagens favoritos, e ver algumas coisas legais, e causar algum dano, eles podem. Ninguém está sendo deixado de lado aqui, nada está sendo sacrificado para um lado, ou para o outro. Estamos apenas nos assegurando de que os jogadores não-familiarizados possam jogar e experimentar o mundo de Marvel vs Capcom Infinite.

Existe o ditado que de boas intenções o inferno está cheio, porém a preocupação da Capcom não só é interessante e justa, sobretudo em matéria de mercado. E aí vem aquela pergunta: que tipo de jogador(a) é você?

Marvel vs Capcom: Infinite será lançado em 19 de setembro para PC, Xbox One e PlayStation 4. Saiba mais sobre o game, e tenha uma ideia de como vão funcionar as Joias do Infinito

Sobre Bruna

A loca de todas as coisas. Devota de Céline Dion. Mini Wikipedia de Scarlett Johansson Facts.™ Eu gosto de romances como eu gosto do meu café.

(Eu não tomo café)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.