Header Ads

SK Gaming vence o IEM Sydney 2017


Após um bom começo de jornada que logo deu ao time o ingresso nas semifinais, SK Gaming e FaZe Clan se enfrentaram na finalíssima do IEM Sydney 2017 e oh quem diria? Os brasileiros não deram chance, e conquistaram o título após vencerem por 3-1. Vem comigo ver como foi.

Train
A série começou na Train, escolha da FaZe, mas foi a SK que mostrou porque sempre gostou tanto desse mapa, abrindo a diferença por 3-0, após vencer o round pistol com três eliminações de Marcelo "coldzera" David. Seguindo, a FaZe respondeu vencendo o primeiro round armado, graças a abordagem de Håvard "rain" Nygaard, mas logo a SK impôs o reset da economia adversária.

E assim a primeira metade do mapa seguiria: cada vez que a FaZe vencesse um round, a SK contra-atacaria no instante seguinte, e eis que chegamos a diferença pró-brasileira de 12-3.

No retorno da segunda metade, a FaZe venceu um confuso round pistol, com direito a defuse dentro da smoke. Após plantar a bomba durante um eco, a SK conseguiu o primeiro round, mas foi a vez do time lidar com o reset, onde Nikola "NiKo" Kovač colocou três rápidas eliminações na conta. O time então cresceu ainda mais com as triple kills de Finn "karrigan" Andersen, e o clutch 1v2 de Fabien "kioShiMa" Fiey.

Com uma nova rodada de triple kills, dessa vez de João "felps" Vasconcellos, a SK chegou aos 14 rounds vencidos, mas a FaZe reassumiu o controle do jogo e deixou a diferença em apenas dois rounds. Acha que veio o comeback? Nah. Após vencer dois rounds seguidos, o segundo numa situação 2v4, o Brasil saiu na frente, levando o primeiro mapa.


Cache
Fomos então para o segundo mapa, com a FaZe abrindo a diferença de 3-0 no lado CT, após anular a investida da SK rumo ao bombiste A durante o round pistol. Entretanto, quando chegaram os rounds armados, a partida mudou completamente: a SK Gaming venceu apenas 11 dos 12 rounds seguintes, e a FaZe simplesmente não conseguiu acompanhar o ritmo da loucura.

Mudando os lados, a SK ampliou a vantagem agora do lado CT. O time levou o round pistol, mas então a FaZe conseguiu responder na base de uma compra forçada graças a um tiro incrível de Desert Eagle que NiKo providenciou para o time. Assim a FaZe venceria os dois rounds seguintes, trazendo o placar para 7-13, mas a SK fechou a defesa, venceu mais quatro rounds seguidos e venceu também o mapa por 16-7.


Inferno
Teve terceiro mapa? Teve sim. E a FaZe levou o inferno a sério, vencendo os seis primeiros rounds, deixando a SK em maus lençóis. Após acertar as economias, a SK venceu o primeiro round armado com três kills de AWP de coldzera, com Fernando "fer" Alvarenga vencendo dois 1v1 contra Aleksi "allu" Jalli em seguida.

Com pouco dinheiro no lado brasileiro, a FaZe chegou ao sétimo round vencido, o que logo se transformou na vantagem por 9-3, forçando a SK a pedir um pause para respirar e frear a investida da FaZe, conseguindo levar o placar para 5-10.

Virando, a SK fez um começo incrível do lado Terrorista, vencendo oito dos dez primeiros rounds, e ficou na cara que os brasileiros levariam mais um... Nah. Um clutch 1v2 do rain ajudou a FaZe a virar a maré e embalou o caminho rumo a vitória por 16-13.


Overpass
O mapa definitivo! E foi a SK que começou a vencer o round pistol, mas quem levou o dito cujo foi a FaZe. O empate em 3-3 também quase veio, mas karrigan fez um defuse deveras ninja com três brasileiros ainda vivos. No restante da primeira metade do mapa seria assim: tudo muito competitivo, com nenhum dos times realmente conseguindo emplacar uma diferença, mas antes da pausa, a FaZe saiu na vantagem por 9-6.

Voltando, a defesa da SK também voltou a vida. Com isso o time venceu os cinco primeiros rounds e levou o placar para 11-9, e obrigou a FaZe a pedir o pause. Com a economia em frangalhos, os europeus não tiveram escolha além da compra forçada, e tudo parecia um repeteco do Inferno, mas dessa vez a SK não deixou a chance escapar, vencendo o mapa por 16-11 e levando o caneco para casa.


Sobre Bruna

A loca de todas as coisas. Devota de Céline Dion. Mini Wikipedia de Scarlett Johansson Facts.™ Eu gosto de romances como eu gosto do meu café.

(Eu não tomo café)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.