Header Ads

Zoe Saldana fala sobre como se inspirou para criar a Gamora


Os Guardiões da Galáxia entraram para o MCU em 2014, e logo viraram ícones da cultura pop. Um dos grandes apelos de Groot & cia foi o fato de cada um dos personagens ser um solitário dentro de certa perspectiva, e todos os perdedores se uniram por um bem maior e melhor. Mas entre todos eles, é inquestionável que o passado da Gamora é o mais obscuro.

Permanecendo de certa forma fiel aos quadrinhos, Gamora foi a última dos Zen-Whoberis que foi "adotada" (coloque 1 milhão de aspas) por Thanos, que decidiu torná-la numa assassina. Por vezes chamada de "mulher mais perigosa do universo," a atriz Zoe Saldana teve algum trabalho na criação da personagem, e buscou inspiração num caso bem real: os Meninos Perdidos do Sudão (Lost Boys of Sudan).

"Quando estávamos criando a Gamora para o primeiro filme, eu lembrei que tinha conversado com James [Gunn] e fiquei 'Não sei o motivo, mas os Meninos Perdidos do Sudão me vieram a mente em termos de crianças que são tiradas de seus vilarejos, ou de outras pessoas - como a Gamora foi do seu planeta - e forçados em uma vida de violência, corrupção e abusos," Saldana disse ao CinemaBlend em entrevista recente. "E o que isso pode fazer com o coração e a mente de alguém. Então eu tive permissão de ir o mais profundo que eu pudesse [na criação da personagem], e eu fui!"

Os "Meninos Perdidos do Sudão" é uma referência aos eventos trágicos que aconteceram entre 1983 e 2005 na Segunda Guerra Civil Sudanesa, onde mais de vinte mil garotos ficaram órfãos, muitos sendo recrutados como soldados.

Então, Guardiões não é assim tão sorrisos quanto você poderia achar que é. Aliás, Gamora estará em Vingadores: Guerra Infinita junto com a irmã adotiva Nebulosa, por isso... Espere uma reunião de família nada convencional.

Nós já temos o review do Vol. 2, e o veredito é de que sim, você pode salvar a galáxia duas vezes numa aventura do K7. Quer dar uma olhada no review do Vol. 1? Sem problema, nós temos ele nesse link. Não conhece nada e quer uma luz no fim do túnel nerd? Leia umas curiosidades, pois sempre faz bem ao coração, e solte o play:


Via CB

Sobre Bruna

A loca de todas as coisas. Devota de Céline Dion. Mini Wikipedia de Scarlett Johansson Facts.™ Eu gosto de romances como eu gosto do meu café.

(Eu não tomo café)

2 comentários:

  1. Já amava o primeiro filme e achei que o segundo o superou demaais. Não sabia dessa construção profunda da Gamora e é super interessante como as histórias realmente são parecidas! Beijoo

    www.coisadalud.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é? E pros dias de hoje eu acho isso super importante. As relações abusivas existem desde sempre, mas só de uns anos pra cá as vítimas têm sido mais vocais, tem tido mais conscientização sobre os traumas, e usar a cultura pop como meio de discutir isso (não tem muita coisa mais abusiva que ser "filha" do Thanos rs x.x) é bacana demais. Esses personagens durões com soft side são tudo <3

      Excluir

Tecnologia do Blogger.