Header Ads

Mãe em filho competem em torneio de Street Fighter V

Imagem: Chris Bahn

Tudo corria normalmente nas pools de Street Fighter V do Absolute Battle 8, que aconteceu neste fim de semana, até um dos participantes chegar para sentar-se e jogar durante a stream, roubando as atenções de todos no local.

Michelle "DSC|MomGotThemHands" Kennedy, mãe de Terrence "DSC|DarkZero Omega" Kennedy Jr., não apenas apoia a paixão do filho pelos jogos de luta, como também joga junto com ele.

O resultado? Não tinha como ser outro: os presentes no AB8 entraram no espírito, e ao melhor estilo de quando os pais torcem por seus filhos em qualquer competição, quem estava lá se juntou atrás da senhora, e imediatamente começaram a vaiar (no melhor bom humor possível) TSS|DJ_Malady, seu adversário.

Michelle e sua Chun-Li lutaram bravamente, enquanto o público vibrava com cada golpe que ela acertava. Embora Malady tenha vencido, foi uma experiência muito divertida inclusive para própria. Ela confirmou ao Eventhubs que essa foi a primeira participação de várias, e deu algumas palavras de sabedoria, afinal, mães.

Mrs. Kennedy abraçou o hobbie do filho por jogos de luta e animes há algum tempo, lembrando de quando jogava com o filho clássicos como Street Fighter 3: Third Strike, de 1999.

"Eu vim ao torneio porque meio filho vivia me encorajando, e eu não sabia que ele tinha me inscrito,"ela disse. Entretanto, Terrence contou a mãe que ela teria de praticar para o Absolute Battle, então não foi daquelas surpresas de última hora.

Ela fez questão de enfatizar os pontos positivos que os games podem trazer no desenvolvimento mental, destacando que é tempo de abandonar os estigmas negativos que assolam os gamers há décadas.

"Eu encorajo os pais a jogar com seus filhos, e não encarar isso como 'a coisa que o cara gordo faz no sofá," disse ela. "Existe um grupo tão diverso de pessoas na FGC. Todos são simpáticos, gentis, e recebem muito bem. Há muita briga, mas todos são tão agradáveis."

Se você joga Tekken e/ou Street Fighter, fique de olho na tag MomGotThemHands, pois a mamma tem contas na PlayStation Network e Xbox Live. Embora ainda não tenha começado a jogar online, ela pretende continuar praticando.

"Meu plano é, no próximo ano será o time mãe e filho, e eu vou vencer eles!" Kennedy disse com um olhar orgulhoso do filho. É basicamente o sonho de todos os gamers bem diante dos nossos olhos. 

Não deixe de seguir MomGotThemHands no Twitter, e veja alguns trechos da luta em questão:





Via EH

Sobre Bruna

A loca de todas as coisas. Devota de Céline Dion. Mini Wikipedia de Scarlett Johansson Facts.™ Eu gosto de romances como eu gosto do meu café.

(Eu não tomo café)

2 comentários:

  1. Que amoor ♥
    Quando eu for mãe vou querer ser assim *---*
    Super legal ela apoiar os hobbies do filho (anime e games, melhores coisas do universo), a minha mãe não joga mas também não julga nem fala as besteiras usuais, mas eu tenho é que agradecer porque ela foi quem comprou os meus consoles, nunca disse que era "coisa de menino" nem nada ♥

    Até ヽ(;▽;)ノ
    shyandbrave.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A comuna dos jogos de luta é muito doida. Tem muita briga, mas saem essas histórias que só os jogos de luta proporcionam. É sempre lindo de ver <3

      Excluir

Tecnologia do Blogger.