Header Ads

Você pode ler o roteiro original de Dragonball Evolution


É só começar a conversar sobre "filmes ruins," e pode contar: alguém vai citar Dragonball Evolution. O filme tentou (de forma bem questionável, é verdade) adaptar a obra de Akira Toriyama, mas no fim do dia a pérola virou num dos cavaleiros do apocalipse dos live-action de anime. Foi um dia negro na história otaku.

Então, se você estiver sentindo muita coragem, é possível ler o roteiro original do filme.

É isso mesmo. O primeiro roteiro de Ben Ramsey caiu na internet, e você pode ler o quanto quiser dele. Esse roteiro vazou antes de Dragonball Evolution ser lançado, tentaram tirá-lo da internet, mas todo mundo sabe que nada realmente é apagado da grande rede.

De acordo com os relatos, Ramsey recebeu interessantes U$ 500 mil para escrever o roteiro, e depois deixou o projeto. Os produtores que claramente sabiam tudo, menos qualquer coisa sobre Dragon Ball, assumiram os trabalhos. O resto? Virou essa lenda tão conhecida.

Mas você pensa que o roteiro original de Dragonball Evolution é pior do que o filme, surpresa: não é. Fãs (começando pela que vos fala) reclamam dos produtores terem 100% se recusado a pesquisar a obra de Toriyama, mas Ramsey até fez um pouco disso no seu roteiro. Basta ver que ele batizou o dito cujo de "Dragon Ball Z."

Existe um bocado para ler, mas vale registrar a surpresa interessante: Pilaf, Mai, Rei Cutelo e Kuririn estão no roteiro original. Kuririn apareceria apenas numa única cena, mas ele está (tecnicamente) lá.

Vão-se oito anos desde o lançamento de Dragonball Evolution, mas o legado continua. A coisa é tão séria que Ramsey pediu desculpas aos fãs, dizendo assumir "a responsabilidade total pelo que foi um desapontamento tão grande para os fãs." Mesmo o roteirista tendo cometido gafes, seu trabalho soa bem mais alinhado a história de Toriyama, e convenhamos... É difícil imaginar algo pior do que o resultado final.

Assim, após matar a curiosidade mórbida, fica a pergunta: vale a pena trazer Son Goku para o mundo dos vivos novamente?

Sobre Bruna

A loca de todas as coisas. Devota de Céline Dion. Mini Wikipedia de Scarlett Johansson Facts.™ Eu gosto de romances como eu gosto do meu café.

(Eu não tomo café)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.