Header Ads

Biografia: Spawn

Nada como um bom 31 de outubro para falarmos de personagens trevosos ou que assustam a grande massa. O que dizer então de Al Simmons, agente da CIA quando vivo, e ao morrer, tornou-se um dos maiores soldados do inferno tentando dibrar a sua sina para permanecer ao lado da sua amada? Vamos conhecer um pouco sobre o Spawn hoje.

A criação

Criado por Todd McFarlane em 1992, a origem do herói (herói?) vem um pouco antes com seu criador ainda trabalhando na Marvel. Sim, com personagens como Hulk e Homem-Aranha no currículo, Todd McFarlane junto de outros artistas como Jin Lee, Rob Liefeld, que fizeram uma debandada da Casa das Ideias para terem mais liberdade criativa e controle de suas criações, e assim, criaram a Image Comics.

Sendo assim, o Soldado do Inferno ganhou vida por McFarlane em 1992 e começou o reino polêmico de Spawn. Em 1993 por exemplo a edição #10 de sua HQ exibiu uma cena na qual, uma cela no inferno, contêm os braços de diversos personagens de Marvel e DC clamando por liberdade. Essa edição não chegou ao Brasil. Ainda em 1993, com apenas um ano no mercado, a Image Comics já detinha 10% do mercado de quadrinhos.

Quem é Spawn?

Malebolgia
O alter ego do Spawn que conhecemos é Al Simons. Al é um ex-agente da CIA em missões internas e externas ao país, porém, era muito de questionar as coisas. Seus superiores ao cansar de seu questionamento, o traem, e assim, acaba sendo morto. Por sua vida como assassino acaba indo parar no Oitavo Circulo do Inferno o qual é cuidado por Malebolgia.

Malebolgia é um demônio que comando o Oitavo Circulo e a cada 50 anos cria um novo Hellspawn. Sim, Al não é o único Spawn. Já existiram outros antes, e, após ele existirão outros. Cada Spawn tem a missão de recrutar almas para o exército do demônio, e desse jeito, ele chegar forte no dia do Armaggedon.

Al passou cinco anos morto até retornar como Spawn e escolhido pelo traje simbionte K7-Leetha. É isso mesmo, a roupa do Soldado do Inferno na verdade é um simbionte e este lhe concede os poderes. São infinitas as possibilidades, porém, o hospedeiro não pode abusar deles e deve manter seu destino: recrutar as almas e morrer.

Retornando ao mundo dos vivos Al caba sofrendo ao ver que sua ex-mulher estava agora casada com seu ex-melhor amigo, Terry Fitzgerald, e com uma filha. Isso o choca violentamente, pois Al, nunca pode dar uma filha a Wanda por ser estéril. a partir desse momento ele passa a ser atormentado pelo demônio Violador que tenta a todo custo leva-lo para o caminho da pura maldade.

No Brasil e além dos quadrinhos

Apesar de ter sido criado em 1992 foi somente em março de 1996 que Spawn chegou as bancas brasileiras pela editora Abril. Ela manteve a publicação até 2005 e nesse período contamos com as 12 edições de A Maldição de Spawn; Batman & Spawn - Guerra Infernal; e A Biblia do Spawn.

Spawn na HBO
Em 2006 a Pixel Media assumiu a edição da revista e continuou do ponto em que a abril parou, todavia, deu um folego novo e o tratamento que Al merecia, contudo, acabou publicando apenas 28 edições e encerrou em 2008.

No ano de 1997 Spawn recebeu uma série animada pela HBO com um traço incrível para a época, sendo até muito atual hoje em dia. A animação recebeu ao todo 18 episódios e foi dividida em 3 temporadas.

O Soldado do Inferno ainda ganharia um longa live action, com efeitos espetaculares para a época (mas a capa continua animal sim, aceita) e chegou aos cinemas brasileiro e na TV aberta pelo SBT (maoeee!). Além disso o personagem recebe diversas séries de action figures e já ganhou alguns jogos para Super Nintendo, PlayStation e PlayStation 2, DreamCast, Game Cube e Xbox (além de ser special guest em Soul Calibur II da caixa verde).


Não sou uma HQ de super herói

Você tem dúvidas ainda?
Apesar da sua criação beber profundamente da cartilha de criação de super heróis ocidentais: colant? Check. Cores chamativas mesmo sendo trevoso? Confere! Capa mítica? Com certeza. Mas o tempo foi fazendo com que Spawn perdesse esse ar mais heroico para se tornar mais terror e sombria. O que tende a ser sua linha editorial definitiva desde então.

O personagem envolve algumas polêmicas como desde brigas judiciais, incluindo direitos autorais com Neil Gaiman que desenhou o personagem por um tempo e ajudou a criar a caçadora Ângela (que podemos falar sobre no futuro); temas polêmicos como conflitos religiosos, ambientação com monstros, demônios, criaturas celestiais e por ai vai.


Gostou de conhecer um pouco mais sobre o mais famosos Soldado do Inferno? Se você conhece o personagem e tem algo que ficou de fora e acha interessante, conte para nós nos comentários, afinal, Spawn até ja realizou crossover com o Sonic!

Sobre Wakashimazu

Gamer de nascimento, guitarrista por insistência, se divide em três para dar conta de dominar o mundo da música, dos jogos e dos otakus, enquanto lida com a caixinha de surpresas chamada de vida. Pode ser encontrado no Last FM, na Live ou no fórum!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.