Header Ads

Existe conexão entre The Gifted e os filmes dos X-Men?



SPOILERS A SEGUIR.

Embora seja um mundo onde mutantes existem, são temidos e caçados pelos humanos, rotina na vida dos X-Men, o cenário político de The Gifted não exatamente se encaixa com qualquer coisa vista nos filmes dos mutantes. A nova série da Fox, criada por Matt Nix (Burn Notice), gira em torno da família Strucker, que está em fuga e encontra abrigo com os Morlocks, mutantes que vivem em túneis de Nova York.

Mas isso não parece existir no universo compartilhado dos X-Men da mesma forma que as séries da Marvel. A forma mais fácil de ver The Gifted é como uma linha do tempo alternativa - feito Logan - com várias referências e elementos aos filmes.

No universo de The Gifted, os X-Men e a Irmandade, "se foram." O que aconteceu com eles não foi revelado, mas o mundo parece bem ciente da existência dos envolvidos: Reed Strucker (Stephen Moyer) descreve eventos passados para sua esposa Caitlin (Amy Acker) tais como o que levou a criação de leis severas contra os mutantes, e o advento dos Sentinelas.

Uma agência federal com poder ilimitado, sob o "Ato Patriótico revisado" caça e prende mutantes seja como for, e os Serviços Sentinela são basicamente a nova encarnação dos militares liderados por William Stryker (Brian Cox) no cinema. Ao invés de uma instalação feito o Lago Alkali, que pode existir nesse universo se o Wolverine (Hugh Jackman) existir, os Serviços Sentinela têm Centros de Detenção Mutante para encarcerar os detidos.

Até os Sentinelas existem, mas de forma diferente. Ninguém sabe se Bolivar Trask (Peter Dinklage) criou os robôs gigantes matadores de mutantes em 1973, mas uma versão deles aparece em The Gifted: são robôs parecidos com aranhas, e difíceis de destruir. Os Serviços Sentinela também usam drones para patrulhar os céus e rastrear mutantes. Não é tão HQ-esco, mas é interessante.

The Gifted ainda traz uma nova leva de mutantes que não apareceram nos filmes, embora Blink tenha aparecido em Dias de um Futuro Esquecido. Considerando que a Blink do filme era quase da idade da Blink de The Gifted (Jaimie Chung), essa provavelmente é uma nova versão da personagem, criada após os X-Men alterarem a linha do tempo, e/ou criarem outras nesse filme em especial.


O maior link entre os filmes dos X-Men e The Gifted é a moça da foto acima. Lorna Dane, ou Polaris (Emma Dumont), é uma mutante mestre em magnetismo cuja paternidade é conhecida: Magneto, claro. Magneto já foi o pai de um ou outro mutante nos filmes que já se sabe, então Polaris pode ser considerada meia-irmã do Mercúrio (Evan Peters). Ela não parece ser tão poderosa quanto seu pai, mas é perigosa o bastante para ser mantida numa prisão plástica pelo Serviço Sentinela, tal como Magneto foi nos filmes.

No fim das contas, The Gifted se mantém como sua própria versão do universo X-Men que ecoa os mesmos temas, incorpora ícones familiares, e mesmo personagens similares aparecem, mas tudo num caminho seu. Por deixar clara tantas ligações, a série se difere de Legion, do FX, que apesar de ser protagonizada por David Haller (Dan Stevens), filho de Charles Xavier, é uma história mais original, distorcida e psicologicamente desafiadora dos mutantes, situada em seu próprio universo.

Assim, se você pretende assistir The Gifted, uma diversão certa será reconhecer as referências. Se um X-Mem pode aparecer na série? Matt Nix declarou que a série irá explicar o ocorrido com o famoso grupo de mutantes, então vermos grandes nomes na tela da TV no meio desse povo, é uma hipótese.

Sobre Bruna

A loca de todas as coisas. Devota de Céline Dion. Mini Wikipedia de Scarlett Johansson Facts.™ Eu gosto de romances como eu gosto do meu café.

(Eu não tomo café)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.