Header Ads

E você, toparia um revival de Veronica Mars?


Em tempos onde resgatar propriedades conhecidas é uma tendência, pense num nome e não duvide que ele possa ganhar revival ou reboot. Nos cinemas, teremos reboots de Hellboy e Spawn. Na TV, foram os retornos de 24 Horas e Arquivo X. Quem mais poderia assim, sem compromisso, dar o ar da graça novamente? Você acertou se pensou em Veronica Mars.

Kristen Bell não se importa com quanto tempo possa levar para tornar a ideia em realidade. A atriz anda bem ocupada com a elogiada comédia The Good Place na NBC, além de estrelar filmes como Perfeita é a Mãe! 2 e a aguardada sequência de Frozen. Igualmente ocupado anda Rob Thomas - o criador da série e diretor do filme de Veronica Mars em 2014, que atualmente é o showrunner de iZombie, do CW, e está desenvolvendo o reboot dos Garotos Perdidos para TV.

O maior obstáculo no caminho de novas aventuras para Veronica Mars são os conflitos de agenda, embora a baixa bilheteria do filme de 2014 também faça sua parte ingrata. Após uma campanha no Kickstarter para financiar o longa (cujo orçamento ficou na casa dos U$ 6 milhões), o produto final arrecadou pouco menos de U$ 3.5 milhões no lançamento limitado dos cinemas.

Segundo o The Numbers, o filme ainda conseguiu um respiro com as vendas em Blu-ray e DVD, levando o faturamento para mais de U$ 8.5 milhões, mas ainda assim, os números sequer vão longe o bastante para justificar uma sequência. Mas de acordo com Kristen Bell, nenhum desses empecilhos manterá Veronica Mars fora do radar para sempre.

Em conversa com o IndieWire, a atriz soou bastante confiante de uma sequência poder acontecer... Algum dia.

Você não pode fazer duas séries de TV ao mesmo tempo. Então teríamos que fazer [Veronica Mars] como uma minissérie. Rob e eu trocamos e-mails sobre isso a cada dois meses ou mais. E eu acho que Rob concorda, que A) Nunca mais vamos fazer os fãs pagarem por isso, B) O formato funciona melhor em episódios.

Se o filme não foi o sucesso esperado, o potencial de um revival em episódios limitados é deveras interessante, considerando o extra de que atualmente séries com menos episódios não soam feito um bicho de sete cabeças, é uma realidade até bem normal. Também seria muito interessante ver essa "Jessica Jones sem poderes," visto que ambas seguem premissas um tanto quanto parecidas.

E porque convenhamos, o mundo precisa de mais moças protagonistas. Sejam novas, ou veteranas.

Sobre Bruna

A loca de todas as coisas. Devota de Céline Dion. Mini Wikipedia de Scarlett Johansson Facts.™ Eu gosto de romances como eu gosto do meu café.

(Eu não tomo café)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.