Header Ads

O Ano 3 e o futuro de Rainbow Six Siege


Rainbow Six Siege chegou no terceiro ano. O tempo voa! E ele será dividido em quatro temporadas, a primeira delas sendo a Operação Chimera, que vai adicionar os operadores Lion e Finka, além do evento co-op Outbreak, que será lançado no dia 6 de março.

A segunda temporada vai adicionar dois operadores italianos e um mapa inédito, enquanto a terceira verá a chegada de dois operadores, um britânico e outro americano, além do rework de um mapa já existente. Por fim, a quarta temporada traz dois operadores marroquinos e um novo mapa, o primeiro situado na África.


Mas e aí, além disso, qual será o futuro do jogo?

Outras mudanças que virão
O modo competitivo terá uma mudança muito importante e interessante, que é a inclusão do Pick and Ban. Como vai funcionar? Na fase de seleção, cada time poderá banir um operador de defesa e um de ataque, mas o operador banido pelo seu time, fica banido para o seu time quando acontecer a troca de rodadas. O novo sistema fará você ter mais criatividade para não ser pego na surpresa, caso o seu operador favorito seja banido da partida.

A ferramenta de observação é outra que deve receber alterações.

Os mapas existentes serão refeitos a cada temporada, com coisas pequenas feito a remoção de portas ou paredes. A ideia é dar novo fôlego aos modos de jogo, mantendo eles competitivos. Mas outros mapas podem ser totalmente refeitos, como a Base Hereford:


E a Pro League?
A Pro League terá duas Seasons de seis meses: uma de junho a novembro, e outra de dezembro a maio.

Cada Season terá um Season Finale, claro, onde os dois melhores times das regiões Ásia-Pacífico, Europa, América Latina e América do Norte vão competir por R$ 275 mil em premiação. O novo formato começa em junho de 2018, com um período de transição durante março e maio de 2018, e o Season Finale em meados de maio de 2018, nos EUA.

A grande mudança é que agora teremos um segundo Major, que vai reunir 16 times do mundo inteiro para competir por U$ 350 mil e U$ 500 mil em premiação. Ele acontece em Paris no mês de agosto. 

Os jogadores poderão competir em casa participando de torneios online semanais, incluindo a Go4 aos domingos em todas as plataformas. A Ubisoft disse que serão realizados eventos locais ao longo do ano, a exemplo da ESL Premiership no Reino Unido. Esse calendário será divulgado em breve.


O futuro de Rainbow Six Siege 
Durante um painel no Six Invitational, o time de desenvolvimento disse ter esperanças de manter o jogo com suporte por dez anos, e 100 operadores disponíveis. O plano não é impossível: League of Legends foi lançado em 2009 e tinha 139 personagens no fim de 2017. Já a base de jogadores em Rainbow Six continua crescendo, atualmente nos 27 milhões. 

Se o time de desenvolvimento continuar nesse ritmo... Não conte com uma sequência do jogo.

Rainbow Six Siege foi lançado em 2015, e vem recebendo suporte constante da Ubisoft com eventos, novos operadores, mapas, e preços diferentes. O sistema é confuso para quem está chegando agora, o que gerou reclamação dos jogadores, fazendo a Ubi cortar o preço.

Agora você vê a edição starter na Steam por R$ 49.99 -um preço até bem camarada- dando acesso completo ao jogo, mais um sistema diferente para desbloquear os operadores. Saiba mais nesse link.

De acordo com o painel, a expectativa da Ubisoft é de todos os 20 operadores virem desbloqueados no futuro, junto com todos os acessórios para armas.

Sobre Bruna

Entusiasta dos jogos de luta, indie e mobile. Mini Wikipedia de Scarlett Johansson Facts™. Publicitária cuja alma foi vendida aos antigos espíritos marketeiros do mal. Praticamente um Mumm-Ra.

Siga no Twitter!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.