Header Ads

Ubisoft lança segunda temporada do seu programa de startups na Station F


A Ubisoft anuncia a segunda temporada de seu programa de startups na Station F, maior campus de startups do mundo, em Paris. Inaugurado no ano passado e liderado pelo laboratório de inovação estratégica da Ubisoft, o programa dá suporte a empreendedores que estejam trabalhando com tecnologias que possam ajudar a moldar o futuro do entretenimento e da indústria dos games.

Nessa temporada, que conta com o patrocínio de Alain Corre, diretor executivo da Ubisoft na EMEA (Europa, Oriente Médio e África), a Ubisoft está colaborando com startups focadas em soluções de realidade aumentada e Blockchain.

Duas das start-ups que a Ubisoft está auxiliando trabalham com projetos promissores em realidade aumentada: a Mimesys, que estuda o futuro das comunicações de longa distância com realidade aumentada holográfica e plataformas de reuniões com realidade virtual, e a Panda Guide, que desenvolveu um headset de realidade aumentada para melhorar a autonomia de pessoas que sofrem algum tipo de deficiência visual.

Nesta segunda temporada, a Ubisoft também apoia a iExec e a Azarus, startups que trabalham na relação entre Blockchain e a indústria de entretenimento. A iExec planeja construir uma infraestrutura virtual na nuvem com serviços de computação de alta performance on demand que pode ser útil, especialmente, nas áreas de inteligência artificial e big data.

Já a Azarus, outra start-up selecionada pela Ubisoft e que trabalha com Blockchain, espera desenvolver protocolos e soluções especificamente dedicadas à indústria dos games.

As quatro start-ups selecionadas nesta segunda temporada do programa terão à disposição um programa personalizado de cinco meses que permitirá a cada uma delas interagir com os especialistas da Ubisoft e parceiros de toda a rede internacional da companhia.

“Apesar de estar no mercado há mais de 30 anos e ter atualmente mais de 13 mil funcionários, a Ubisoft tem orgulho de suas raízes e não esqueceu que sua própria história começou como uma start-up”, disse o diretor executivo da Ubisoft para EMEA. “Ainda somos motivados pelo mesmo entusiasmo de desenvolver experiências gamers inovadoras e criativas. Ao ajudar startups, a Ubisoft espera encorajar o surgimento de novas ideias, projetos e empreendedores que ajudarão a moldar o futuro do entretenimento, todos juntos”.

No Brasil, a Ubisoft colocará sua experiência à disposição de startups locais pelo FrenchTech Hub São Paulo, programa de aceleração de startups do governo francês e que desde 2017 existe em São Paulo.

“A Ubisoft Brasil também quer contribuir com startups criativas e que com boas ideias podem transformar de alguma forma o mercado de games e tecnologia. A partir de agora, via FrenchTech Hub, vamos encorajar empreendedores a explorarem novos temas e dar a eles as ferramentas para desenvolverem seus trabalhos pelo futuro do entretenimento”, afirma Bertrand Chaverot, diretor da Ubisoft na América Latina.

Em junho de 2017, a Ubisoft iniciou a parceria com a Station F, o maior campus dedicado a startups do mundo. Esta ação faz parte do programa global da Ubisoft desenvolvido para encorajar e apoiar o crescimento de start-ps ligadas à indústria do entretenimento. A Ubisoft também possui programas similares no Canadá e Alemanha.

O programa da Ubisoft na Station F está aberto a qualquer empreendedor do mundo e a Ubisoft visa expandi-lo para mais países nos próximos anos.

Para mais informações sobre os programas da Ubisoft e oportunidades, visite ubisoft.com/startups.

Via Rosa Arrais Comunicação

Sobre Bruna

Entusiasta dos jogos de luta, indie e mobile. Mini Wikipedia de Scarlett Johansson Facts™. Publicitária cuja alma foi vendida aos antigos espíritos marketeiros do mal. Praticamente um Mumm-Ra.

Siga no Twitter!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.