Header Ads

Astralis desbanca Team Liquid e vence a 7ª temporada da Pro League de CS:GO


Após uma semana de competição, o último domingo (20/05) definiu o campeão da sétima temporada da Pro League de CS:GO. E do embate entre Team Liquid, campeã da Pro League de Rainbow Six, e Astralis, foi a Astralis que levou para casa o caneco e a bolada superior a R$ 900 mil.

O confronto foi disputado numa melhor de cinco mapas. A Liquid foi de Dust II e Mirage como suas escolhas, enquanto a Astralis ficou com Nuke e Inferno. Vetado na fase inicial, Cache seria a última parada caso a partida chegasse ao quinto mapa. 

Como foi o jogo

Contrariando a escolha, a Astralis dominou a Liquid na Dust II sem sequer transpirar. Já na Nuke foi a hora da Liquid reagir, mas no fim do seu jogo pelo lado CT a Astralis reagiu e ampliou a diferença no placar da final para 2-0. O poder de fogo de ambos os lados estava intenso, com Russel "twistzz" Van Dulken e Jonathan "EliGE" Jablonowski oferecendo combate para Peter "dupreeh" Rasmussen e Lukas "gla1ve" Rossander em todos os momentos da Nuke.


Apesar das perdas significativas, a Lquid insistiu e superou as expectativas ao vencer na Mirage no round 30, o equivalente "45 do segundo tempo" em CS:GO, risos. Andreas "Xyp9x" Hojsleth deu a Astralis algum chão na Mirage durante um clutch 1v3 no segundo round pistol.

Mas ao mesmo tempo, Keith "NAF" Markovic fez frags de impacto no mapa, em especial no round 30, enquanto seus companheiros fizeram clutches menores no começo do jogo. Assim, a Astralis teve a primeira derrota de mapa no torneio.


Entretanto, os norte-americanos apenas atrasaram o inevitável, pois a Astralis reencontrou o jogo na metade da Inferno. Gla1ve e Emil "Magisk" Reif seguraram a linha de tiro no lado CT, enquanto a Liquid lutava estrategicamente no ataque, o que ainda assim não foi suficiente. Nicolai "dev1ce" Reedtz foi o MVP da partida, onde o AWPer da Astralis fechou a conta com 24 eliminações, e várias multi-kills em momentos chave da série.


Com o título da Pro League, a Astralis conquista o segundo troféu de 2018. Em abril os time levou o DreamHack Masters Marseille, e apesar do tropeço contra a FaZe Clan no IEM Sydney da pior forma possível, os dinamarqueses mostraram resiliência e fizeram seu trabalho.

Confira os mapas e placares e reveja todas as loucuras da finalíssima:







Sobre Bruna

Entusiasta dos jogos indie, mobile e de luta. Mini Wikipedia de Scarlett Johansson Facts™. Publicitária. Em terra de plagiador, quem tem conteúdo original é rei ou otário?

Siga no Twitter!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.