Header Ads

Receita da indústria de videogames em 2018 será 51% composta pelos jogos para dispositivos móveis


Um relatório recente divulgado pela Newzoo apresentou algo interessante sobre a indústria de videogames em 2018: A receita das empresas irá cair, mas de tudo que a indústria arrecadar no ano, a expectativa é dos jogos para dispositivos móveis corresponderem à 51% do faturamento projetado em U$ 137.9 bilhões.

Não é a primeira vez que o mobile se mostra mais lucrativo que consoles ou PC. Lá no comecinho do ano nós divulgamos o relatório da SuperData sobre o domínio dos jogos free-to-play em 2017, em especial dos jogos para smartphones e tablets. Entretanto, é a primeira vez que eles são responsáveis por mais da metade do lucro em escala global.

Embora as projeções da Newzoo sejam baseadas no estado atual da indústria, o relatório mostra uma mudança bem curiosa que vem acontecendo nos últimos anos.

Analisando a receita gerada no total, todas as plataformas consideradas, a Newzoo prevê um aumento de 13,3% em relação aos números de 2017, com receita de jogos digitais representando 91% desse total, ou seja: US $ 125,3 bilhões.

Já os jogos mobile devem ter um aumento ano a ano de 25.5%, gerando U$ 70.3 bilhões, dominando o mercado global pela primeira vez. E em 2021 a Newzoo espera que o mercado mobile chegue na casa dos U$ 100 bilhões, correspondendo à 59% do mercado mundial de jogos.


Antes alvo de preconceito, o mobile agora comanda a jogatina (Reprodução/Gamasutra)

Não é um fenômeno tão difícil de entender quando você lembra de pelo menos um caso recente, que é Fortnite. O jogo, lançado para iOS e em breve para Android, tem crossplay com consoles e PCs, o que rendeu à desenvolvedora Epic Games um lucro de U$ 15 milhões em menos de um mês.

Por isso, todo mundo quer uma fatia desse mercado. Veja por exemplo a ASUS, que está trabalhando num celular focado em jogos, seguindo os exemplos da Razer e Xiaomi.

O relatório completo da Newzoo tem informações muito boas para desenvolvedores, mas para fechar o texto aqui, fica outra curiosidade: Dos US $ 137,9 bilhões de receita previstos para 2018, a Newzoo acredita que US $ 37,9 bilhões virão da China, e US $ 30,4 bilhões dos Estados Unidos.

A região da Ásia-Pacífico, por sua vez, deve representar 52% (ou U$ 71,4 bilhões) em gastos globais com jogos em 2018, um aumento de 16,8% em relação a 2017. Não por acaso certos jogos só são lançados lá, ou chegam primeiro lá.

Sobre Bruna

Entusiasta dos jogos de luta, indie e mobile. Devota de deus MOV e Lorde Daigo e Senhor. Mini Wikipedia de Scarlett Johansson Facts™. Eu só jogo um MMO, que é o Trove. Me xinga de tudo, menos de "jornalista."Aí dá briga.

Siga no Twitter!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.