Header Ads

 

Resumo Battlefield 5: Mulheres protagonistas, loot boxes e requisitos para rodar o jogo no PC


Apesar do ligeiramente polêmico Battlefield 5 só chegar em outubro desse ano, DICE e Eletronic Arts já estão preparando o caminho. Foram divulgados nesta terça-feira (29) os requisitos mínimos para rodar o jogo no PC, e E se você chegou a jogar Battlefield 1, boa notícia: Os requisitos são os mesmos para Battlefield 5.

Simbora conferir:
  • SO: Windows 7, Windows 8.1 e Windows 10 (Todos 64 bits)
  • Processador (AMD): AMD FX-6350
  • Processador (Intel): Core i5 6600K
  • Memória: 8GB RAM
  • Placa de vídeo (AMD): AMD Radeon™ HD 7850 2GB
  • Placa de vídeo (NVIDIA): nVidia GeForce® GTX 660 2GB
  • DirectX: 11.0
  • Requisitos de internet: 512 KBPS ou superior
  • 50GB no HD

"Personagens femininas chegaram para ficar"

Battlefield 5 promete visitar histórias menos faladas da Segunda Guerra Mundial, por isso o FPS terá mulheres como personagens jogáveis pela primeira vez. A notícia causou uma comoção enorme, com hashtags como #NotMyBattlefield pedindo por mais "veracidade histórica" no jogo.

Perdeu o trailer? Dá uma conferida:


Muitos reclamaram que EA e DICE na verdade estão prestando um desserviço, ao invés de realmente representarem as minorias. Mas o chefão da DICE, Oskar Gabrielson, veio ao Twitter para defender a escolha criativa e avisou: "Personagens femininas chegaram para ficar."


"Queremos que Battlefield 5 represente todos que foram parte do maior drama na história humana, e dar aos jogadores a escolha de customizar os personagens com os quais jogam," disse ele. "Nosso compromisso como estúdio é fazer tudo para criar jogos que sejam inclusivos e diversos. Sempre nos esforçamos em superar limites, e entregar experiências inesperadas. Mas acima disso tudo, nossos jogos devem ser divertidos!", continuou.

Battlefield 5 não apenas tem uma mulher na capa do jogo, mas existe outra possível protagonista. Ela apareceu nas screenshots divulgadas, e possui o braço esquerdo amputado, usando uma prótese "de época." Confira:


Outros jogadores, numa tentativa mais sensata, argumentam que Battlefield nunca foi sobre contar um momento da história fielmente como ele aconteceu. Ao invés disso, a franquia existe como uma ficção histórica inspirada por pessoas e ventos reais.

Sobre isso, Gabrielson continuou: "A caixa d areia de Battlefield sempre foi sobre jogar do jeito que você quiser. Como tentar colocar três jogadores num cavalo, com lança chamas. Com BF5 você terá a chance de jogar como quem você quiser," disse o chefão.

Daí ele que encerrou o recado com a tag #EveryonesBattlefield.

Loot boxes? Tô fora

Outro assunto que tem sido alvo de muita controvérsia são as loot boxes. Em março circulou o rumor de que BF5 poderia ter as caixas da discórdia, mas apenas com itens cosméticos. Um representante da EA então declarou ao Kotaku que não seria o caso.

Mas a dúvida ainda restou até a última quarta-feira (29), onde o Twitter oficial do jogo confirmou que Battlefield 5 não terá loot boxes, nem Premium Pass. Assim, todos terão acesso aos mesmos mapas e modos de jogo.


Por outro lado, o jogo aparentemente terá seu próprio dinheiro. Você poderá comprá-lo com dinheiro real apenas para gastar com itens cosméticos, nada que afete o gameplay. Ao estilo do que a Ubisoft fez com Far Cry 5. Para quem teve um doutorado do que não fazer com Star Wars: Battlefront II, parece um bom começo.

Battlefield 5 será lançado para PlayStation 4, Xbox One e PC (Origin) no dia 19 de outubro. O jogo estará disponível nas versões completa e Deluxe, e quem comprar essa, terá acesso ao jogo três dias antes, no dia 16 de outubro. Assinantes da EA/Origin Access poderão jogar a prévia a partir do dia 11 de outubro. Qual é o problema? Nada demais...

... Exceto que isso é um dia antes do lançamento de Call of Duty: Black Ops 4, que chega no dia 11 de outubro. Mas fique em paz: Antes do lançamento, a EA realizará um beta aberto de Battlefield 5.

Sobre Bruna

Entusiasta dos jogos indie, mobile e de luta. Mini Wikipedia de Scarlett Johansson Facts™. Publicitária. Em terra de plagiador, quem tem conteúdo original é rei ou otário?

Siga no Twitter!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.