Header Ads

Solta o Play: AngrA - Never Understand

Mais uma semana chegando, outro mês iniciando-se e o som de hoje não tem um motivo especial ou afins. Quer dizer, não sei bem o porque mas estou na vibe de Never Understand do Angra. Em parte pode ter have com a volta do Shaman e um momento de frustração. Talvez.

O Shaman retornará com sua formação original para um show especial, e por um dia, parecia que eu iria para esse show, mas a vida, resolveu trollar. Teoricamente eu ganharia um favor e que claro, seria retribuído ao modo Lannister: pagando a divida.

Mas acredito eu que uma frase que eu disse foi pega, levemente distorcida a favor, e assim, não estarei lá para ver essa volta. Por momentos até mesmo o Meet and Greating era algo real. Paciência e espero ter uma nova chance futuramente já que eu já havia superado ter perdido o show da banda quando tocaram em Santos.

"Ah mas então porque Angra se você tá falando do Shaman?" Tirando motivos André Matos e por ele tocar a música na banda solo, e provavelmente deve ter tocado com o Shaman também. Esse "prog melódico" está na cabeça e provavelmente sairá quando o post vier ao ar, assim como ocorreu com minha vibe em Jade (mas essa sempre volta forte).

E claro, Never Understand pertence ao álbum Angels Cry do Angra lançado em 1993. mas isso você já viu eu escrevendo trocentas vezes


Letra

White gold, a morning came
Sunny cold, refecting light
Unknown songs
Fresh water gush licks the line
Sprinkling crowns of silence
The face wet from the moistened dew
Wind takes the sight
Around the meadow
Playing kindly
Silver dropped wine
That flows inside, a sleeping hand...
Desperation fills the air
Madness knocking on my back
(Chiming bells have announced the new day)
My courage lies someplace
Where time forgot to send me
(Now where are you going?)
(Now where are you going now?)
Someday they'll mark your sins
Like torture on your back
I wonder why
My mind is tight
Like stormy weather
And so it seems
That little steps
Would take forever
Oh, never understand
We're like mad horses heading for the bend
This place I'm standing here
Made it on my own
Moored my life to never let it go
I wonder why
My mind is tight
Like stormy weather
And so it seems
That little steps
Would take forever
Oh, never understand
We're like mad horses heading for the bend
This place I'm standing here
Made it on my own
Moored my life to never let it go
All my life I bleed away
I won't forget
All my life is never understand

Sobre Renan

Gamer que joga, escreve para gravar e a vida lhe fez fazer tudo que nunca pensou em fazer. Perito na discórdia por ter opinião, Renan também disse que nunca se referir a si mesmo na terceira pessoa por fugir da fama. Renan vem fazendo bem isso ¯\_(ツ)_/¯

Siga no Twitter!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.