Header Ads

Capitã Marvel: tudo que sabemos após a publicação da Entertainment Weekly


Nas semanas recentes a apreensão foi total, pois algo dizia que logo teríamos novidades sobre Capitã Marvel. E tivemos! Na última quarta-feira (6) a Entertainment Weekly divulgou dedicou sua capa a menina Brie Larson, nos encheu de imagens e informações oficiais.

Agora que a poeira baixou, é hora de reunirmos todas as novidades num texto só, e falarmos sobre a aguardada estreia de Carol Danvers no MCU. Porque se tem uma coisa que essa estreia está, é mais do que prometendo.

Quem é Carol Danvers


Tudo indica que teremos uma heroína agressiva e cabeça quente. Ela é a primeira a entrar na batalha, e não espera por ordens. Mas Carol Danvers conta piadas ruins, um prato cheio para o humor do MCU e até para própria Brie Larson. Se você não assistiu Free Fire, assista. A resposta está lá, e vale a pena.

Em outras palavras, embora seja uma personagem capaz de mover planetas, sua parte humana dá o toque imperfeito perfeito para criar o conflito que ela terá que lidar. Isso abre um potencial dramático fantástico para quem já levou Oscar de melhor atriz.

Capitã Marvel pode ganhar uma nova origem


A EW descreve a personagem como "uma guerreira parte Kree, parte humana". Some isso a outros detalhes revelados pela revista, e eles meio que apontam para uma origem levemente diferente da dos quadrinhos. Se por um lado devem manter o básico -Carol ter o DNA alterado- parece existir algo a mais que estão escondendo, como um parentesco ou conexão com os Kree.

Definitivamente não é a típica história de origem


A Marvel Studios ainda faz histórias de origem, mas com os anos, a Casa da Ideias mudou o jeito de fazer isso. Basta lembrar como Pantera Negra e Homem-Aranha foram apresentados. Com Capitã Marvel está confirmado que Carol Danvers já terá os poderes quando a conhecermos, e terá deixado a Terra para unir-se a Starforce, time de elite da terra natal dos Kree.

Starforce


O time é formado por Korath, antes de receber melhorias cibernéticas e tornar-se vilão, Minn-Erva, e dois personagens que se acreditam ser Capitão Atlas e Ultimus. O personagem de Jude Law será o líder, e Ronan, o Acusador, parece pertencer ao mesmo grupo. Se ele responde ao personagem de Law ou vice-versa, no momento não está claro.

Talos


Sabe-se há um tempo que os Skrulls serão os vilões principais de Capitã Marvel, e Ben Mendelsohn será o líder deles. Não era sabido era qual será o seu personagem, mas agora foi confirmado: Talos. Nos quadrinhos Talos não pode mudar de forma, mas o ator de Rogue One não terá problemas com isso. Eu já chego nessa parte.

Carol Danvers é o personagem mais poderoso do MCU


Kevin Feige tem tido há algum tempo que Carol Davers é o personagem mais poderoso do MCU, e a informação foi repetida pela EW mais de uma vez. O que é interessante, pois Hulk e Thor lutam por esse posto há anos, inclusive em Thor: Ragnarok. Está claro que ela será parte chave na luta contra Thanos, mas existe o risco da Marvel Studios tornar a Capitã Marvel muito poderosa? 

Mar-Vell (?) vê o potencial da Capitã Marvel


A Marvel Studios decidiu não revelar a identidade do personagem de Jude Law, mas quando que isso vai impedir a internet de conspirar? Inclusive já tem gente imaginando se ele não tem motivações de vilão. "Esses poderes extraordinários que ela possui, ele os vê como um tipo de benção e algo que ela precisa aprender a controlar", disse o ator. Os dois aparentam uma relação de mentor e discípula... A menos que ele esteja a manipulando.

"Photon"


Capitã Marvel apresentará Lashana Lynch como Maria Rambeau, personagem descrita como uma das amigas mais antigas de Carol Danvers. A identificação da personagem "Photon", é referência ao nome que a sua filha adota nos quadrinhos quando ela se torna uma heroína. O filme abrirá caminho para ela aparecer também, pois foi confirmado que no filme Maria é mãe solteira de Mônica.

Porque Carol Danvers volta a Terra


Já vimos Brie Larson usando o traje da Starforce e falando com Nick Fury, então sabemos que ela volta a Terra em algum momento, e é dito ser por uma boa razão. Aparentemente ela volta ao planeta para saber mais sobre seu passado, de onde vieram seus poderes, apontando uma história de origem que no primeiro momento, é desconhecida para ela.

O diretor da Shield


Nos dias atuais do MCU, a Shield não existe mais. Nos anos 90, entretanto, a Shield está no seu auge. Aparentemente Talos estará disfarçado como um humano trabalhando dentro da Shield, mas não se sabe se ele terá uma nova identidade, ou roubará a de alguém... Como a identidade do diretor da Shield, por exemplo.

Ronan, o Acusador


Em Guardiões da Galáxia, Ronan se torna um exilado por suas visões extremistas e o desejo de destruir Xandar. Enquanto não está claro se a sua transformação em vilão será abordada no filme, ele ainda é um membro de elite da sociedade Kree. Talvez ele responda a Suprema Inteligência, governante dos Kree.

Um Nick Fury muito diferente do atual


Ter os dois olhos não será a única mudança que o personagem de Samuel L. Jackson vai encarar em Capitã Marvel. Seu status está longe de Diretor da Shield. Pela forma como o personagem é descrito, ele provavelmente fará seu nome por ajudar Carol Danvers a deter a invasão Skrull na Terra. A ideia de ver Fury como um Phil Coulson das antigas, sendo que o próprio estará no filme, tende a ser muito curioso.

Brie Larson e Lashana Lynch trabalharam com pilotos reais


Embora Capitã Marvel comece com Carol Danvers no espaço, seu tempo na Terra deve ser explorado por meio de flashbacks, pois Brie Larson e Lashana Lynch tiveram parte da preparação para o filme com pilotos reais. É difícil imaginar Carol sendo piloto (Major da Força Aérea, digo) se não for sem os poderes. Assim saberemos como eles surgiram? #descubra

O filme é divertido, mas não é uma comédia


O maior ponto de controvérsia do MCU é o uso de comédia. Frequentemente os filmes são acusados de serem engraçados de mais, mesmo com todo sucesso. Entretanto, Brie Larson foi rápida em dizer que o filme é equilibrado. "Quando é divertido, é divertido, mas quando tem coisas de profundidade emocional acontecendo, é real. Eu fui capaz de trazer algumas dessas coisas que eu trouxe em papeis totalmente dramáticos".

E se você já assistiu o fantástico Quarto de Jack, sabe o esperar muito da parte drama da atriz, não é expectativa errada. Se você nunca assistiu o filme... Assista. Antes arranje uma caixa de lenços e algo para abraçar. Você vai precisar, acredite em mim.

Como Brie Larson se preparou para Capitã Marvel


Mais ou menos como no ocorrido com Gal Gadot, Brie Larson passou pelas mesmas críticas dos "fãs". Mas a atriz fez um trabalho gigantesco para entrar no personagem, desde ler os quadrinhos a treinar nove meses antes do começo das gravações. Judô, boxe, mesmo luta livre entraram na pauta. "Eu não sabia que tinha um pequeno Keanu Reeves em mim!" a atriz brincou. "Quem diria?"

Jude Law pode não ser quem pensamos


Enquanto ninguém sabe se o ator realmente será o Mar-Vell, já existe a especulação dele ser alguém totalmente inesperado. Law diz que seu personagem é "movido por uma crença na liderança divina do povo Kree. Por isso ele é quase que um guerreiro devoto - inquestionável, conservador, mas inspirador".

A Guerra entre Krees e Skrulls


Enquanto você pode pensar que a guerra entre Krees e Skrulls poderia ser guardada para um futuro filme de Vingadores, em Capitã Marvel soa que o conflito estará a pleno vapor. Segundo a revista, os Kree são uma raça  alienígena avançada que valorizam a comunidade ao invés da individualidade, e eles estarão no meio da guerra contra os metamorfos Skrulls. Só não se sabem as razões.

Minn-Erva é a sniper da Starforce


Minn-Erva tem uma história complicada nos quadrinhos, terminando por se tornar um dos maiores inimigos de Carol Danvers. Nessas histórias, Minn-Erva é uma doutora procurando criar poderosos soldados, mas a EW diz que na versão do filme ela é uma sniper experiente. Provavelmente ela terá sua parte justa nas cenas de ação. A questão é: as duas realmente ficarão em maus termos uma com a outra?

Não é novidade o MCU ter personagens com diferenças. A primeira que sempre me vem a memória é Maria Hill. Nos filmes ela é querida e a favor dos heróis. Nos quadrinhos ela é uma das personagens menos queridas pela personalidade forte, e todo jogo político e militar no qual se envolve. Avengers: Standoff é um bom exemplo.

Capitã Marvel abre a porta para mais filmes de heroínas no MCU


Mulher Maravilha provou que filmes de heroínas são possíveis. Entretanto, esperamos por dez anos até Capitã Marvel tornar-se realidade. Este será o grande teste, para um futuro que Kevin Feige tem dito "ser feminino". Em entrevista para EW, o chefão do estúdio disse que o plano é ter mais moças da Marvel liderando sus próprios filmes.

Se isso incluir aquela ruiva/loira sinistra, eu estou em paz.

Lista traduzida e adaptada do ComicBookMovie.com

Sobre Bruna

Entusiasta dos jogos indie, mobile e de luta. Mini Wikipedia de Scarlett Johansson Facts™. Publicitária. Em terra de plagiador, quem tem conteúdo original é rei ou otário?

Siga no Twitter!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.