Header Ads

"Elseworlds": Batwoman aparece em novo teaser do crossover; novas fotos são divulgadas


Já era sabido que a Batwoman viria para o Arrowverse, e no episódio de Arrow exibido na última segunda (19) ela deu o ar da graça! Foi rápido, entretanto, durante o novo teaser de "Elseworlds".


No vídeo, Cisco (Carlos Valdes) e Barry (Grant Gustin) encontram alguém que definitivamente não é a "lenda urbana" Batman. Eles encontram ela, Kate Kane, a Batwoman (Ruby Rose) em pessoa.

Ruby Rose estreia será na segunda hora do crossover, em Arrow. Na trama, Oliver (Stephen Amell), Barry (Grant Gustin) e Kara (Melissa Benoist) viajam para Gotham City procurando John Deegan (Jeremy Davies), o doutor do Asilo Arkham. 

"É uma sensação estranha, vestir um traje como esse que foi feito sob medida para você, sabendo que ele vai te transformar num personagem que faz coisas incríveis", Ruby Rose disse ao Entertainment Weekly. "Você se sente muito poderosa e isso muda instantaneamente tudo que você sente naquele momento".

A atriz então explicou o quanto significa para ela viver a Batwoman, uma heroína abertamente gay:

O fato de ela ser uma super-heroína gay, que é algo que eu adoraria ter visto na TV quando mais nova, foi um grande fator decisivo do por que eu me apaixonei pelo papel. Ele significou muito mais para mim, pois eu podia me identificar de muitas maneiras e, ao mesmo tempo, senti que esse era um trabalho que me daria um propósito todos os dias para vir ao trabalho além de viver o meu sonho, que é atuar, e seria muito mais gratificante do que qualquer coisa que eu fiz no passado.

Mas... E o Batman?


Que a Batwoman virá, você e eu sabemos. Que ela será badass, não é uma dúvida. Mas se você ainda está pensando em como o CW vai abordar a existência do Morcegão, o EW tem a resposta.

Misteriosamente, Bruce Wayne desapareceu de Gotham há alguns anos. Sua ausência tornou a cidade num paraíso do crime, o que tende a fazer um cenário interessante, com três heróis chegando de uma vez só, para lutar contra o crime junto da Batwoman.

Caroline Dries, showrunner da série da Batwoman - se ela ganhar sinal verde - explicou: 

Nossa abordagem é: com o que Gotham se parece depois que o Batman sumiu há três anos? Então, se você tem a lei e a ordem, protetor e esperança, o que acontece como resultado? Algumas pessoas estão prosperando em sua ausência porque agora elas podem começar a fazer suas próprias coisas sem a supervisão. Muitas outras pessoas estão sofrendo e perdendo a esperança, a própria cidade e a sua infraestrutura estão desmoronando. Então não é um lugar feliz. Nossos heróis entram numa Gotham suja e assustadora.

Marc Guggenheim, ex-showrunner de Arrow, acrescenta:

É uma cidade morta. É o pior cenário possível. A razão pela qual ninguém fala sobre Gotham é que a cidade poderia estar morta. É praticamente uma cidade fantasma.

Mas não espere o clima sombrio do DCEU. Com o Arqueiro, Flash e Supergirl na tão famosa cidade, morta ou não, o trio irá debater sobre se o Cavaleiro das Trevas existe, ou se é um mito bem bolado.

"Elseworlds" transformou o Arqueiro Verde no Flash, o Flash no Arqueiro Verde, fez a Supergirl parar em Central City, e as trocas continuam.

A exibição do crossover começará no domingo, dia 9 de dezembro, mas com The Flash, que assume a vaga de Supergirl durante o evento. "Elseworlds" continua na segunda, 10 de dezembro, em Arrow, terminará com Supergirl, no lugar de The Flash na terça, 11 de dezembro.

Mas não vá ainda! Antes de encerrar o texto, confira as novas fotos divulgadas:

 
   
   
    
  

Via CB e CBM

Sobre Bruna

Entusiasta dos jogos indie, mobile e de luta. Mini Wikipedia de Scarlett Johansson Facts™. Publicitária. Em terra de plagiador, quem tem conteúdo original é rei ou otário?

Siga no Twitter!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.