Header Ads

 

Dragon Ball Super: Broly quebra mais um recorde no Japão


Desde o anúncio, Dragon Ball Super: Broly indicava que seria um grande momento para franquia. E os fãs apenas confirmaram isso, mostrando um apoio grande o suficiente para fazer o filme quebrar outro recorde de bilheteria no Japão.

Em apenas 11 dias, Dragon Ball Super: Broly arrecadou mais de 2 bilhões de ienes, significando que o filme faturou cerca de US$ 18,1 milhões em menos de duas semanas, tendo vendido mais de 1,5 milhão de ingressos. Somente agora, com o lançamento de Wifi Ralph: Quebrando a Internet no Japão, o filme ficou em segundo lugar nas bilheterias de lá.


É a primeira vez que um filme de Dragon Ball atinge os 2 bilhões de ienes tão rápido, e não é difícil ver o motivo. Já na estreia, Dragon Ball Super: Broly tornou-se o melhor filme da franquia, faturando 1,5 bilhão de ienes (algo em torno de US$ 9,3 milhões) com três dias em cartaz. 

Akira Toriyama, o pai de Dragon Ball, comentou o sucesso do filme. Ele destacou a alegria pela boa recepção, pois sendo Broly um personagem popular há anos, se o filme não fosse bem recebido seria porque "a história que eu escrevi não era boa". O autor elogiou as cenas de ação produzidas pela Toei Animation, embora tenha citado que apesar de incríveis, "para alguém como eu", assistir as mesmas "foi exaustivo".

Dragon Ball Super: Broly está em cartaz apenas no Japão, mas o filme desembarca no Brasil muito em breve! A Fox Film do Brasil fará as honras, trazendo o novo giro no dia 3 de janeiro de 2019. Ou seja, são quatro dias para você se preparar, pois vem aí uma nova história de Goku, Vegeta e Broly, contada por meio do que a gente conhece: muita pancadaria.

Segue o trailer mais recente para você apertar o play da hype:


Via CB

Sobre Bruna

Entusiasta dos jogos indie, mobile e de luta. Mini Wikipedia de Scarlett Johansson Facts™. Publicitária. Em terra de plagiador, quem tem conteúdo original é rei ou otário?

Siga no Twitter!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.