Header Ads

 

Estudo da IDC Brasil revela queda de 4,4% no mercado de tablets no terceiro trimestre de 2018

O mercado de tablets no Brasil teve queda no terceiro trimestre de 2018. Em julho, agosto e setembro do ano passado, foram vendidas 982 mil unidades, 4,4% a menos do que no mesmo período de 2017, quando foram vendidos 1,27 milhão de tablets. Já em relação ao segundo trimestre de 2018, quando foram comercializados 763 mil tablets, houve alta de 26,6%. Os dados fazem parte do IDC Brazil Tablets Tracker Q3, estudo da IDC Brasil, líder em inteligência de mercado, serviços de consultoria e conferências com as indústrias de Tecnologia da Informação e Telecomunicações.



Wellington La Falce, analista de pesquisa da IDC Brasil, aponta o dólar como o principal motivo para a queda nas vendas, já que a alta da moeda americana provocou a elevação nos preços dos modelos de entrada e afetou o abastecimento do varejo de produtos de média e alta performance. “O desempenho no terceiro trimestre só não foi pior por causa dos tablets para o público infantil, adquiridos antecipadamente pelo varejo, que se preparava para o Dia das Crianças, e pelas compras de 25 mil unidades pelo mercado corporativo, 55% a mais do que no mesmo período de 2017”, observa o analista. La Falce lembra, ainda, que a queda nas vendas de tablets no terceiro trimestre de 2018 segue um movimento que vem sendo observado desde a ascensão dos smartphones como dispositivo preferido para acesso à internet.

Quanto ao ticket médio passou de R$ 472 em julho, agosto e setembro de 2017, para R$ 463 nos mesmos meses de 2018, resultado do equilíbrio entre a alta nos preços dos modelos de entrada e a falta de modelos intermediários e premium. A receita foi de R$ 464 milhões, 4,3% a menos em relação a 2017.

Para o último trimestre de 2018, com Dia das Crianças e Natal, a expectativa da IDC é registrar a venda de 1,14 milhão de tablets.

via Rosa Arrais

Sobre Renan

Gamer que joga, escreve para gravar e a vida lhe fez fazer tudo que nunca pensou em fazer. Perito na discórdia por ter opinião, Renan também disse que nunca se referir a si mesmo na terceira pessoa por fugir da fama. Renan vem fazendo bem isso ¯\_(ツ)_/¯

Siga no Twitter!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.