Aquaman dominou as bilheterias nos últimos meses, mas agora a vez é dela. Capitã Marvel estreou na última quinta-feira (7), e justificou toda expectativa pela estreia de Brie Larson no MCU. O filme, primeiro de uma heroína da Casa das Ideias, faturou alto com bem menos de uma semana em cartaz. Ao todo, a bilheteria global foi de quase US$ 500 milhões.

As previsões da bilheteria de estreia de Capitã Marvel sempre indicaram valores altos, mesmo com o filme vivendo meses de polêmica. Tudo começou com trolls tentando abaixar a nota do filme em sites como IMDB e Rotten Tomatoes e críticas de figuras públicas. Alguns diriam que no geral, o filme vem sendo recebido de forma morna.

Mas os números provaram que Larson & cia superaram tudo isso.

Nos EUA, Capitã Marvel embolsou US$ 153 milhões de bilheteria, enquanto no internacional o valor faturado foi de US$ 302 milhões. Com isso temos a bilheteria global de US$ 455 milhões feitos em três dias em cartaz. Vale a pena registrar que são números preliminares, por isso o valor real ainda vai a aumentar. Não surpreenderia se Kevin Feige aparecer bem feliz com o retorno inicial.


No tira-teima com o restante do MCU, a estreia de Capitã Marvel perde apenas para os três filmes dos Vingadores, Pantera Negra, Homem de Ferro 3 e Capitão América: Guerra Civil. Capitã Marvel teve ainda uma estreia global superior ao live-action de A Bela e a Fera (US$ 357 milhões). Quando o assunto é estreia da adaptação de quadrinhos, o filme tem a segunda melhor estreia, atrás de Guerra Infinita, que faturou US$ 650 milhões. Ah! A bilheteria internacional de Capitã Marvel foi melhor do que Star Wars: O Despertar da Força (US$ 281 milhões).

No momento, o longa de Anna Boden e Ryan Fleck é a sétima maior estreia dos cinemas, a maior nos EUA em 2019 (até agora), e a terceira maior estreia de um lançamento em março. Além de ser a melhor estreia de um filme liderado por uma mulher.

Com mais estes números, a receita do MCU subiu para doidos US$ 17,98 bilhões faturados com 21 filmes lançados. O valor deve subir pra US$ 18 bilhões bem antes de Vingadores: Ultimato, que por sua vez deve no mínimo acrescentar mais US$ bilhões na conta.

Em outras palavras:

  • Os filmes de super-heróis estão longe da fadiga
  • Carol Danvers sem dúvidas será o rosto da Casa das Ideias na Fase 4
  • Filme com mulher protagonista dá certo. É só querer.