Nessa quinta-feira, 21 de março, é celebrado o Dia Internacional da Síndrome de Down, em alusão à trissomia existente no cromossomo 21 de pessoas diagnosticadas com a alteração genética. O objetivo da data é conscientizar as pessoas sobre a importância da luta pelos direitos igualitários, o seu bem-estar e a inclusão das pessoas com Down na sociedade.


Para participar desse movimento, o Looke, serviço brasileiro de streaming, disponibiliza o filme “Cromossomo 21”, um emocionante romance teen que trata do distúrbio genético e dos preconceitos sociais, trazendo como protagonista a atriz Adriele Lopes Pelentir, portadora da síndrome.

Com menção honrosa no Festival de Cinema de Gramado e eleito o melhor filme pelo voto popular no Festival Internacional da Mulher em Punta Del Este, a trama mostra Vitória, uma garota como todas as outras, que cursa faculdade, faz aulas de piano e também pratica natação. Contudo, possuir um cromossomo a mais em sua genética faz com que a jovem seja vista de maneira diferente.

Após evitar o atropelamento de Afonso, um jovem rapaz sonhador sem a síndrome, ambos começam uma relação de amizade que segue evoluindo até uma paixão. O envolvimento desperta em Vitória sentimentos e desejos, como sua independência e sexualidade. Entretanto, por vivenciarem um relacionamento entre uma pessoa com a síndrome e outra não, eles precisam enfrentar julgamentos e situações delicadas implicadas pela sociedade.


 Dirigido por Alex Duarte, o longa está disponível no Looke para aluguel por apenas R$ 4,99 ou para compra digital por R$ 19,99.

via Looke