Header Ads

 

Playoffs do Brasileirão Rainbow Six 2019 estão definidos para a GameXP

A penúltima semana do Brasileirão Rainbow Six 2019 revelou ao público a quarta e última equipe que participará da fase final do campeonato na Game XP, no Rio de Janeiro. Neste domingo (30), a Black Dragons segurou o empate por 0 a 0 contra a FaZe Clan e não perderá mais a quarta posição. Na sequência, a Ninjas in Pyjamas confirmou o bom momento que vive, bateu a líder Team Liquid e mostrou força para brigar pelo título.

Com 18 pontos, a BD abre quatro em relação à quinta colocada, Immortals. Por isso, não será mais alcançada. Na escalada, a equipe medirá forças com a Ninjas in Pyjamas que, com o triunfo por 1 a 0, confirmou o terceiro lugar na tabela de classificação. Team Liquid – garantida na decisão – e FaZe Clan terminaram a primeira fase nas duas primeiras colocações e agora aguardam o seu próximo adversário.

A conclusão da última rodada do BR6 2019 acontece no próximo domingo (7). Se somar um ponto contra a Immortals, a paiN Gaming afastará qualquer chance de rebaixamento direto, em partida que terá início às 18h. Depois é a vez do INTZ jogar contra a ReD DevilS, que vê suas chances de escapar da Série B cada vez menores.

Os jogos terão transmissão ao vivo pelo sportv.com e nos canais oficiais do Rainbow Six Esports Brasil naTwitch e no YouTube. Confira todas as fotos do BR6 2019 no Flickr oficial do torneio.

Dragões na próxima fase - Black Dragons 0x0 FaZe Clan
Na primeira partida, a Black Dragons, escalada com Panico619, pzdd, GdNN1, live e hugzord, arrancou um empate por 0 a 0 contra a FaZe Clan, formada por Astro, cameram4n, mav, ion e YooNah, e carimbou seu passaporte rumo à Game XP.

No mapa Fronteira, os dois times se revezaram na liderança a cada rodada, e a BD teve a chance de garantir a vitória que lhe classificaria aos playoffs quando abriu 6 a 5. Porém a FaZe levou o último round, empatou em 6 a 6 e aumentou o drama dos Dragões.

A segunda parte da disputa contou com muita emoção. Dessa vez, a FaZe tomou o controle das ações no mapa Mansão e chegou a 6 a 4, com duas chances de sacramentar a vitória e deixar a última vaga em aberto. Mas a BD mostrou garra e frieza para se recuperar, conseguiu outro 6 a 6 e somou um ponto precioso, que a colocou de vez na escalada do Brasileirão.

O destaque do embate, Vinicius “live” Monteiro, contou como a equipe fez para evitar a derrota: “A partida foi muito difícil. Eles jogaram de forma bem agressiva e demoramos para ter a leitura correta das jogadas, mas, graças ao hugzord, conseguimos nos adaptar a tempo para alcançar o empate e a vaga. Nos dois últimos rounds do segundo mapa, também falei com meus companheiros para ajudar a manterem a calma neste momento decisivo”.

Gabriel “cameram4n” Hespanhol fez um balanço sobre o desempenho da FaZe: “Fizemos um jogo mais solto, e com isso é possível aproveitar mais brechas, porém alguns erros acontecem. Em geral, temos que melhorar questões como a teamplay, mas conseguimos um empate satisfatório, já que testamos jogadas que não são de costume”.

NiP garante a terceira posição – Ninjas in Pyjamas 1x0 Team Liquid
No jogo que envolvia dois times já garantidos na fase final, a Ninjas in Pyjamas, formada por JULIO, Psycho, kamikaze, Muzi e pino, bateu a Team Liquid, escalada com NESKWGA, muringa, S3xyCake, PSK1 e PALUH9, por 1 a 0.

Os Ninjas não tomaram conhecimento da rival no Fronteira. Mesmo sendo escolha da Liquid, o time liderado por Psycho foi implacável e venceu todos os rounds: 7 a 0, com autoridade diante da líder e finalista desta edição do BR6 2019.

No mapa Kafe Dostoyevsky, a NiP deu indícios de que fecharia a partida em 2 a 0 após vencer os três primeiros rounds e ter três match points, quando o placar marcava 6 a 3. Mas os Cavalos mostraram o porquê de terem dominado a primeira parte do campeonato e reagiram para chegar ao placar de 6 a 6. Ainda assim, a partida terminou 1 a 0 a favor dos Ninjas, que encerram a primeira fase embalados e na terceira posição.

Para Paulo “PSK1” Augusto, o resultado foi mérito do adversário: “O time da NiP jogou muito bem e mereceu a vitória. Eles tiveram uma postura um pouco mais agressiva do que imaginamos e não conseguimos revidar à altura. Vamos trabalhar bastante, principalmente a parte psicológica, para chegarmos ainda mais preparados e confiantes na final”.

A classificação na visão do MVP
Apesar de depender apenas de suas próprias forças para alcançar a classificação, a missão da Black Dragons nesta última rodada não era simples. Ela encarou uma das line-ups mais fortes e entrosadas do país, a FaZe Clan, e precisava ao menos de um empate para não ter que torcer contra a Immortals no próximo domingo.

O time chegou ao seu objetivo e contou com o talento do membro mais recente da formação titular: Vinicius “live” Monteiro. O atleta teve papel decisivo na reta final do confronto, quando a situação era desfavorável para os Dragões, e terminou com o prêmio de MVP do primeiro duelo da noite.
“Não sinto pressão quando estou jogando, seja qual for o adversário. Tento apenas ter o melhor desempenho possível, e tem dado certo. Intensifiquei no dia a dia o tempo que dedico ao Rainbow Six e isso tem feito toda a diferença”, conta o jogador.

A saída de João “muringa” Deam, que agora defende a Team Liquid, seria sentida por qualquer equipe do cenário. Porém, as atuações de destaque de “live” deixam os torcedores da BD mais tranquilos e esperançosos para a sequência do calendário.

E agora, o clube tem mais uma chance de levantar um troféu, mas para isso terá que superar três concorrentes na escalada. A Black Dragons enfrenta a Ninjas in Pyjamas na primeira rodada, se vencer, encara a FaZe e, com um novo triunfo, disputa a final com a Team Liquid. “Contra a NiP, será outro duelo complicado. Assim como a FaZe, eles também possuem um estilo de jogo agressivo, enquanto o nosso ainda está se definindo. Vamos estudá-los durante todo o mês para surpreendê-los”, analisa o atleta.

Confira a tabela de classificação Lenovo Microsoft do Brasileirão Rainbow Six 2019: 

Sobre Renan

Gamer que joga, escreve para gravar e a vida lhe fez fazer tudo que nunca pensou em fazer. Perito na discórdia por ter opinião, Renan também disse que nunca se referir a si mesmo na terceira pessoa por fugir da fama. Renan vem fazendo bem isso ¯\_(ツ)_/¯

Siga no Twitter!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.