Header Ads

 

Rainbow Six: 5 curiosidades sobre o retorno da temporada da Pro League

A décima temporada da Rainbow Six Pro League retorna nesta semana com diversas novidades. Após dois meses de pausa para competições internacionais, as melhores equipes da região latino-americana voltam a se enfrentar no torneio que garante duas vagas nas finais mundiais em Tokoname, no Japão, entre os dias 9 e 10 de novembro.

Na quarta-feira (25), a partir das 14h, o público poderá  acompanhar quatro jogos válidos pela oitava rodada: Black Dragons x MiBR, FaZe Clan x Team Liquid, Team oNe x INTZ e Ninjas in Pyjamas x ex-ReD DevilS.
Já na sexta-feira (27), a partir das 19h, outros quatro confrontos encerram a semana: INTZ x MiBR, Team oNe x Team Liquid, FaZe Clan x ex-ReD DevilS e Ninjas in Pyjamas x Black Dragons.
Todas as partidas da Rainbow Six Pro League serão transmitidas nos canais oficiais do Rainbow Six Esports Brasil no Youtube e na Twitch.
Com ótimo aproveitamento e nenhuma derrota em sete partidas, a Ninjas in Pyjamas lidera o campeonato com 19 pontos. A FaZe Clan vem logo atrás, com 17, seguida pelo INTZ, que tem 11. Liquid e Team oNe estão empatadas com nove pontos, um a mais que a Black Dragons, sexta colocada. MiBR, com três, e ex-ReD DevilS, com apenas um, não começaram bem na PL e estão nas duas últimas posições.
Confira abaixo alguns dos destaques do retorno da Rainbow Six Pro League LATAM:
Clássico com cara de revanche
Uma das maiores atrações da rodada será o reencontro entre Team Liquid e FaZe Clan, quase dois meses após a batalha épica entre as duas equipes na final do Brasileirão Rainbow Six, na Game XP. Na ocasião, a Cavalaria venceu por 3 mapas a 2, em uma partida de mais de cinco horas de duração, e ficou com o inédito título nacional.
Agora, as duas se enfrentam em um cenário totalmente diferente, com uma partida MD1 em que qualquer erro pode custar caro. Na Pro League, no entanto, a situação é favorável para a FaZe, vice-líder da competição com 17 pontos, oito a mais que a adversária, que está na quarta colocação e precisa do resultado para não deixar a vantagem crescer ainda mais.
André “Sensi”, coach da Team Liquid, explica as dificuldades em enfrentar a rival: “Para nós, sempre é desafiante disputar jogos em MD1 (melhor de um) nos campeonatos. Possuímos dificuldade justamente por ser um formato mais “decisivo” e, apesar do ótimo desempenho que tivemos nos últimos compromissos, temos que trabalhar de acordo com o mesmo”.
Pelo retrospecto recente, a Liquid tem motivos para se animar. Ambas representaram o país na DreamHack Montreal 2019 no início do mês e o time de André “Nesk” passou perto de mais uma conquista internacional, parando nos americanos da Team SoloMid na grande final do torneio. A FaZe Clan, por sua vez, não conseguiu performar bem e foi eliminada precocemente, na fase de grupos.
“A FaZe, assim como a maioria dos times da região LATAM, possui facilidade na leitura do adversário. Temos que ficar atentos e saber quando mudar nossas estratégias, pois isso pode ser o diferencial para a vitória. O trabalho e dedicação tem que ser do mesmo nível que tivemos nos campeonatos anteriores”, completa Sensi.
Estreia do MiBR na Pro League
Apontada como uma das maiores organizações de eSports do mundo, o MiBR fará a sua estreia na Rainbow Six Pro League nesta quarta-feira. A equipe assume o lugar da Immortals e terá a missão de reagir na competição para repetir as boas campanhas das últimas duas edições, quando a line-up chegou nas fases finais do torneio ainda com a camisa do ex-time. 
A recuperação, no entanto, não será fácil. A equipe é a penúltima colocada com apenas três pontos, cinco atrás da Black Dragons, adversária desta rodada. Por isso, o confronto tem caráter decisivo para o MiBR, que precisa vencer para almejar uma possível classificação para o Japão.
O jogo desta quarta-feira também marcará a estreia de Victor “hugzord” – mais recente contratação da equipe. Ele substituirá Matheus “pX”, que foi movido para a reserva da equipe. Destaque também para Guilherme “Guille”, recém-chegado no MiBR para o cargo de coach
“A nossa preparação esteve focada no trabalho com o hugzord, em sua adaptação. Precisamos melhorar o desempenho tático da equipe e usar essa segunda parte da competição para moldar a equipe”, conta Guille.
Reencontro
As contratações da última janela de transferências trouxeram diversas novidades nas equipes e vai proporcionar reencontros entre velhos conhecidos. A estreia de Vitor “hugzord” terá um sabor diferente, já que o atleta enfrenta a sua ex-equipe, a Black Dragons, precisando do resultado para ajudar seus novos companheiros a melhorarem sua situação na Pro League – atualmente, o MiBR é o sétimo colocado com apenas três pontos.
Além de hugzord, pelo lado da BD, Wagner “wag” estará de volta ao cenário competitivo ao lado do seu velho companheiro, Pedro “pzdd”, com quem foi vice-campeão mundial da Pro League em 2017.
“Esperamos o melhor retorno possível do wag. Ele tem uma vasta experiência e muito a acrescentar para o time”, afirma pzdd. “Estamos treinando e conversando mais sobre os erros durante os treinos e isso tem ajudado bastante a reparar alguns problemas antigos”, completa.
Já o coach Henrique “sSeiiya” explica que o tempo de cenário de wag pode ajudar em uma possível arrancada do time no segundo turno: “A expectativa é de que ele auxilie a equipe a encontrar a sintonia necessária para voltarmos a ter bons resultados. A experiência dele pode ser fundamental para esse processo”.
Na sexta-feira (27), wag já terá pela frente a Ninjas In Pyjamas, organização que defendeu por mais de um ano.
Brigas distintas e retorno de gohaN
A última partida da quarta-feira marcará o encontro entre a líder Ninjas in Pyjamas com a lanterna ex-ReD DevilS. Enquanto a NiP terminou o primeiro turno no topo da tabela, a ReD ocupou a última colocação durante toda a competição até aqui.
Enquanto os Ninjas venceram seis das sete partidas disputadas, a ReD ainda busca seu primeiro triunfo. No primeiro encontro dos dois nesta edição da Pro League, melhor para o time de Gustavo “Psycho”, que venceu sem muitas dificuldades por 7 a 3.
A grande novidade será a estreia de Guilherme “gohaN” com a camisa preta e dourada. O atleta, que chega para substituir Gabriel “pino”, é um dos mais experientes do cenário competitivo de Rainbow Six, com dois títulos do Brasileirão e diversas participações em campeonatos internacionais. No currículo, o novo jogador dos Ninjas tem passagens por grandes equipes como Team Liquid, FaZe Clan, Team Fontt e Santos Dexterity.
Do outro lado, a ex-ReD DevilS também passou por mudanças com as chegadas da promessa Luiggi “Hellraiser” e do coach Matheus “Ramalho”.
Nøkk e Warden no competitivo
Dentro de jogo, a novidade desta vez será a inclusão dos dois operadores da Operação Phantom Sight, Nøkk e Warden, no cenário competitivo. Agora, os atletas poderão utilizá-los durante as partidas, criando novas dinâmicas e possibilidades.
Nøkk é uma operadora de ataque que usa o seu gadget, o HEL, para poder se camuflar e se mover como um “fantasma” pelos mapas. Já Warden, operador de defesa, utiliza smartglass Glance para poder ver o que nenhum outro operador vê.
Confira as partidas da Rainbow Six Pro League nesta semana:

8ª rodada – Quarta-feira (25/09)
14h00 – Black Dragons x MiBR
15h15 – FaZe Clan x Team Liquid
16h30 – Team oNe x INTZ
17h45 – Ninjas in Pyjamas x ex-ReD DevilS

9ª rodada – Sexta-feira (27/09)
19h00 – INTZ x MiBR
20h15 – Team oNe x Team Liquid
21h30 – FaZe Clan x ex-ReD DevilS
22h45 – Ninjas in Pyjamas x Black Dragons

Sobre Renan

Gamer que joga, escreve para gravar e a vida lhe fez fazer tudo que nunca pensou em fazer. Perito na discórdia por ter opinião, Renan também disse que nunca se referir a si mesmo na terceira pessoa por fugir da fama. Renan vem fazendo bem isso ¯\_(ツ)_/¯

Siga no Twitter!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.