Header Ads

 

Biografia: Morgana, a caída (League of Legends)

Dia das bruxas, halloween, dia do saci, seja lá como você chama o dia de hoje mas o que interessa é esse especial com ela, uma das magas/suportes mais conhecidas e banidas das partidas de League of LegendsMorgana. Conheça mais sobre sua história e o porquê dela ser "a caída".

Biografia

Seja pelo destino, seja pelas circunstâncias, Morgana e sua irmã nasceram em um mundo em conflito. As devastadoras Guerras Rúnicas já tinham destruído grande parte de Valoran e de Shurima, e agora ameaçavam engolir até os cumes de Targon. Os pais de Morgana, Mihira e Kilam, acreditavam nas lendas de que a grande montanha concedia poderes divinos e não viram outra alternativa senão enfrentar a longa e perigosa jornada para tentar salvar sua tribo.

Mesmo depois de descobrirem a gravidez de Mihira, eles não voltaram atrás. Finalmente, no local onde Runeterra toca as estrelas, Kilam viu, maravilhado e temeroso, Mihira ser escolhida para encarnar o Aspecto da Justiça.

O casal voltou não só com a salvação que procuravam, mas também com duas filhas gêmeas chamadas Morgana e Kayle. No entanto, o poder celestial que tomou conta de Mihira começou a sufocar sua personalidade e afeição mortal. Ela muita vezes empurrava as garotas para os braços do pai e as deixava para atender ao chamado da batalha.


Por muitos meses, Kilam viveu corroído pela incerteza. Os conflitos continuavam acontecendo em várias frentes e parecia que, aos poucos, estava perdendo sua amada esposa. Temendo pela segurança das filhas, ele esperou que Mihira partisse novamente e fugiu de Targon com as duas.

Embora o local de destino ainda não tivesse nome na época, um dia ele seria conhecido como um refúgio contra magia e perseguições.

E foi nele, no assentamento que viria a ser o reino de Demacia, que as gêmeas cresceram e ficaram tão diferentes quanto o dia e a noite. Enquanto Kayle estudava o crescente conjunto de leis do assentamento, Morgana sentia-se incomodada pela desconfiança deles em relação a qualquer forasteiro. Sabendo como era ser uma refugiada, ela andava pelas selvas, conversando com magos rebeldes e outras pessoas exiladas pelos perigos que poderiam causar. Em casa, ela via a dor do pai por ter deixado Mihira para trás e via a mãe com maus olhos por ter causado tanta dor.

Morgana temia que ela e Kayle pudessem carregar algum vestígio do poder do Aspecto, e esse medo se confirmou quando uma grande lâmina envolvida em sombras e chamas um dia caiu do céu. Quando ela furou o solo, partindo-se em duas, asas de plumas explodiram dos ombros das meninas. Ao ver cada uma pegando uma das metades da espada, o pai chorou e virou o rosto, esquivando-se até quando Morgana tentou consolá-lo.


Enquanto Kayle abraçou sua nova vocação, criando uma ordem judicial para impor as leis, Morgana rejeitou seus dons… até a noite em que seu assentamento foi invadido. Em meio ao tumulto, Kilam se viu cercado. Naquele momento, Morgana correu para protegê-lo, transformando seu agressor em cinzas. Juntas, as irmãs salvaram inúmeras vidas e foram reverenciadas como as Protetoras Aladas de Demacia.

Mas Kayle passou a adotar posicionamentos cada vez mais extremos e Morgana sentia que precisava insistir com ela cada vez mais para ajudar aqueles que estavam dispostos a mudar. As irmãs e seus seguidores mortais então terminaram fazendo um acordo. Mas tal acordo relutante não durou por muito tempo quando Ronas, o discípulo mais fervoroso de Kayle, decidiu que ele mesmo prenderia Morgana. Tentando proteger seus seguidores arrependidos, Morgana acorrentou-o com chamas escuras até que ele caiu no chão, morto.

Com seu fogo divino iluminando a cidade, Kayle jurou levar o assassino de Ronas a julgamento e Morgana foi ao encontro de sua irmã nas alturas.

Elas empunharam suas espadas e se enfrentaram com arcos de luz ofuscante e escuridão ardente que não pouparam nem mesmo sua cidade logo abaixo. Parecia certo que uma delas venceria… mas Morgana parou quando ouviu a voz angustiada do pai. Kilam estava entre os escombros, mortalmente ferido. Com um grito de dor, Morgana arremessou a metade da espada de sua mãe em Kayle e mergulhou em direção ao solo como um meteoro.


Ela abraçou o pai, amaldiçoando a herança responsável por toda aquela destruição. Quando Kayle aterrissou, estupefata, Morgana exigiu saber se o extermínio de mortais perversos incluía Kilam, cujo único crime tinha sido roubá-las de sua mãe. Kayle não respondeu e levantou voo sem olhar para trás.

A partir daquele dia, as asas de Morgana tornaram-se um lembrete inevitável de sua dor. Ela tentou cortá-las, mas nenhuma lâmina foi forte o bastante. Sendo assim, ela amarrou as asas com correntes de ferro e tomou a decisão de caminhar pelo mundo dos mortais.

Ao longo dos séculos, sua história virou um mito, e o nome Morgana foi praticamente esquecido. Até hoje, o povo de Demacia venera a "Protetora Alada", recordando apenas a glória e a verdade de uma das irmãs, enquanto a natureza explosiva e a crença na redenção pessoal de Morgana tornaram-se os mistérios da "Redentora Velada".

Apesar de tudo, ela ainda se recusa a abandonar aqueles que buscam sua ajuda. Amargurada e traída, ela vaga pelas sombras do reino com a certeza de que um dia a luz de Kayle retornará a Runeterra e todos enfrentarão seu julgamento.

E com a magia voltando a aparecer, Morgana sabe que esse dia está cada vez mais próximo.

Habilidades no game

Sifão da Alma (Passiva): Morgana drena o espírito dos seus inimigos, curando-se conforme causa dano a Campeões, tropas grandes e monstros grandes.

Ligação das Trevas
Custo: 50/55/60/65/70 de Mana
Alcance: 1250

Morgana prende um inimigo no lugar com magia sombria, forçando-o a sentir a dor que provocou e causando Dano Mágico.

Lança uma rajada de fogo estelar, causando {{ totaldamage }} de Dano Mágico e enraizando o primeiro inimigo atingido por {{ rootduration }}s.

Sombra Atormentada
Custo: 70/85/100/115/130 de Mana
Alcance: 900

Morgana conjura uma sombra amaldiçoada em uma área, causando dano aos inimigos que ousarem permanecer em seu círculo sombrio. Eles sofrem Dano Mágico ao longo do tempo, que aumenta quanto mais suas Vidas estiverem baixas.

Incendeia magicamente uma área por {{ wduration }}s, causando {{ totalmindamage }} de Dano Mágico por segundo a todos os inimigos dentro. O dano é aumentado em até {{ missinghealthamppercent*100 }}% com base na Vida perdida do alvo.O Tempo de Recarga de Sombra Atormentada é reduzido em {{ cdrefundpercent*100 }}% toda vez que Morgana for curada por Sifão da Alma.

Escudo Negro
Custo: 80 de Mana
Alcance: 800

Morgana abençoa um aliado com uma barreira protetora de fogo estelar que absorve Dano Mágico e efeitos de desarme até que quebre.

Concede um escudo a um Campeão aliado por {{ shieldduration }}s. O escudo absorve {{ totalshieldstrength }} de Dano Mágico e impede desarmes até que quebre.

Grilhões da Alma
Custo: 100 de Mana
Alcance: 625

Morgana libera a força total de seu poder celestial conforme desprende suas asas e flutua acima do chão. Ela lança correntes de dor sombria nos Campeões inimigos próximos, ganhando Velocidade de Movimento em direção a eles. As correntes causam redução de velocidade e um dano inicial e, depois de um intervalo, atordoarão aqueles que não conseguirem quebrá-las.

Morgana se acorrenta a Campeões inimigos próximos, causando {{ totaldamage }} de Dano Mágico e reduzindo a velocidade deles em {{ slowpercent }}%. Após {{ chainduration }}s, inimigos que não conseguirem quebrar as correntes sofrem {{ totaldamage }} de Dano Mágico adicional e são atordoados por {{ stunduration }}s.Durante a conjuração de Grilhões da Alma, Morgana recebe {{ hastepercent }}% de Velocidade de Movimento em direção aos inimigos que ela acorrentou.

via site oficial LOL

Sobre Renan

Gamer que joga, escreve para gravar e a vida lhe fez fazer tudo que nunca pensou em fazer. Perito na discórdia por ter opinião, Renan também disse que nunca se referir a si mesmo na terceira pessoa por fugir da fama. Renan vem fazendo bem isso ¯\_(ツ)_/¯

Siga no Twitter!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.