SPOILERS de "This Extraordinary Being", episódio de Watchmen

Após passar a metade da temporada, Watchmen (aparentemente) revelou no domingo (24) um dos seus maiores mistérios: o responsável pela morte de Judd Crawford (Don Johnson). O chefe da polícia foi a primeira baixa da série, após ter sido encontrado morto por enforcamento. Este foi apenas um dos vários mistérios levantados na primeira temporada da série da HBO. Quer saber que diabos aconteceu em "This Extraordinary Being"? Vem comigo.

Watchmen revela a verdade sobre a Gangue Rorschach em 'Little Fear of Lightning'


No episódio, Angela Abar (Regina King) teve de lidar com os efeitos de ingerir a "Nostalgia", droga desenvolvida por Will Reeves (Louis Gossett Jr.), antes de ser presa pelas autoridades. Enquanto estava na cadeia, ela começou a viver começou a viver recriações em preto e branco das memórias de Will. Por que? Porque elas foram extraídas de seu cérebro, e sintetizadas na droga. A experiência logo se tornou realmente reveladora e traumática, pois Angela descobriu que Will havia inicialmente atuado como vigilante Hooded Justice, membro dos Minutemen.

Depois de reviver momentos importantes da vida de Will como vigilante, culminando na esposa e no filho deixando-o para retornar a Tulsa, Angela chegou a uma memória muito mais recente. Nela, um Will mais velho confronta Judd, e acende uma lanterna para ele até Judd concordar em empurrar sua cadeira de rodas para uma árvore próxima. Will então questiona Judd sobre suas reais intenções como capitão da polícia e sobre as roupas da Klan escondidas no seu armário.

Judd confirmou que as roupas pertenciam ao seu avô, mas que ele tinha "todo direito" de mantê-las. Will então aponta a lanterna para Judd em um padrão estroboscópico, similar às técnicas de controle mental que Hooded Justice encontrou "Cyclops" usando, e diz a ele para se enforcar nos galhos da árvore.

Então é isso: Will Reeves definitivamente teve participação na morte de Judd Crawford - embora Judd tenha tirado a própria vida. A revelação confirma a suspeita de alguns personagens de Watchmen, incluindo Laurie Blake (Jean Smart), sobre a morte de Judd, amplamente sustentadas pela imobilidade de Will.


Watchmen retorna no próximo domingo com o episódio "An Almost Religious Awe"