Segundo dados divulgados pela Adobe na segunda-feira (2), 39% das compras online feitas durante a Black Friday aconteceram em smartphones. É um grande salto em comparação ao ano passado, onde o número foi pouco maior que 33%. As pessoas também estiveram mais dispostas a gastar. Os compradores gastaram cerca de US$ 2,9 bilhões por meio dos celulares, contra "apenas" US$ 2,1 bilhões no ano anterior.
E você, usou seu celular para fazer aquela comprinha marota de Black Friday?

Este ano também foi marcante para as compras on-line da Black Friday em geral. Foi batida a marca de US$ 7,4 bilhões em vendas pela internet, superando os US$ 6,2 bilhões do ano passado. Em média o gasto com compras foi de US$ 168, com grande procura por laptops da Apple, AirPods, Nintendo Switch e TVs da Samsung. Entre os jogos, Madden NFL 20 e FIFA 20 foram destaques.

A Adobe não explicou as razões dos consumidores terem estado mais dispostos a comprar usando os celulares, embora existam algumas possíveis explicações. Sites e aplicativos otimizados para mobile podem ter tornado mais fácil, mais ainda se você puder agilizar as compras com serviços como Apple Pay ou o Google Pay.

As crescentes cada vez maiores dos smartphones tornaram o uso da internet menos claustrofóbico. E há uma chance da resposta mais simples: as pessoas ficaram mais acostumadas a comprar utilizando seus celulares - e o desejo de parar na frente um computador pode não ser mais tão forte quanto antes.