SPOILERS da primeira temporada de The Witcher a seguir

A mega aguardada primeira temporada de The Witcher estreou nesta sexta-feira (20). Finalmente é a hora da Netflix nos levar por um mundo de bruxos, bruxas, e caçadores de monstros. Enquanto nós acompanhamos os três protagonistas - Geralt, Yennefer e Ciri - o trio é parte de uma história muito maior. Logo você descobrirá que The Witcher é situada em três linhas do tempo diferentes.

Uma vez existindo essa separação de linhas do tempo, não seria difícil os espectadores ficarem meio confusos. Mas nada tema! The Witcher é um interessante exercício de atenção aos detalhes, e se você não se incomodar com spoilers, vamos conversar sobre como as linhas do tempo funcionam.


A linha do tempo mais antiga: a origem de Yennefer


Yennefer (Anya Chalotra) é apresentada em "Four Marks", segundo episódio de The Witcher. Seu enredo se destaca, pois sua origem é parte essencial da narrativa, concentrando-se principalmente na sua experiência de ensinar magia em Aretuza. Em The Witcher, Aretuza é a academia de magia que transforma jovens usuários de magia em magos certificados. Este capítulo é de Yennefer, pois é situando décadas antes do resto dos eventos da série.

(Vantagens da vida prolongada dos magos)

Se você não se incomoda com spoilers, a origem de Yennefer se passa cerca de 30 anos antes da cena que realmente apresenta Geralt ao público. Como ela termina suas lições mágicas, a sabedoria acumulada no processo e a forma na qual ela vive essas décadas, é uma história a ser contada no seu próprio ritmo. Esta é a história de Yennefer, e de mais ninguém.


A segunda linha do tempo: as aventuras de Geralt


Esta é a linha do tempo que lança a série, e claramente é trabalhada para ser a principal. Afinal, para quem vem ver Geralt de Rivia, ela é a principal. Um personagem ou dois podem passar dessa linha para outra, mas esta é a história de Geralt. O tempo que ele passou trabalhando como caçador de monstros é vago, mas intencionalmente. Assim, é impossível saber onde sua origem real se situa em relação à de Yennefer.

Se você se surpreender ao descobrir que a linha do tempo de Geralt não é o coração da história, não fique: essa é a forma como The Witcher foi estruturada. Diferente de outras séries de fantasia, essa é uma história que se estende por séculos. Os poderosos da linha de Geralt são apenas mencionados na linda de Yennefer. A terrível rainha que se torna conhecida por matar seus próprios inimigos durante a linha de Geralt? É uma mulher diferente daquela que Ciri conhece.


A terceira linha do tempo: a história de Ciri


Deve ficar claro após os primeiros episódios que as duas linhas do tempo principais de The Witcher são o presente de Geralt e o de Ciri (Freya Allan). A vida de Ciri realmente parece ser a linha do tempo mais importante, e The Witcher quase a teve como protagonista. Então isso reforça como cada ponta do enredo é tão relevante e importante quanto a seguinte.

Entretanto, o primeiro episódio deixa no ar, e os seguintes confirmam, que o 'presente' para Ciri está entre dez e quinze anos no futuro de Geralt. Ou você pode dizer que, as aventuras aparentemente importantes de Geralt são quinze anos no passado para Ciri e sua avó, a rainha Calanthe.

Sabendo como as linhas do tempo são formadas, você perceberá como os diálogos e lutas de poder em uma linha do tempo afetam outra. O mais óbvio é o principal conflito do primeiro episódio: a invasão de Cintra por Nilfgaard. É garantido que você terá perguntas sobre os "vilões" da história, mas não terá uma visão real das motivações ou relações de Nilfgaard com Cintra, ou com a Rainha Calanthe.

Os habitantes da linha do tempo de Ciri estão preocupados com quem Nilfgaard é hoje, não como eles vieram a ser assim. Os espectadores, por sua vez, vão querer saber a história toda. E graças a esse formato único de contar a história, você poderá ter a sua resposta.

Conclusão


Mesmo que nenhuma resposta definitiva seja oferecida, prestar atenção nas linhas do tempo é um dos exercícios mais satisfatórios de The Witcher para os fãs de fantasia medieval. A série mostra como Yennefer e Geralt tomam forma, ao mesmo tempo que especula sobre como o mundo ao redor deles está mudando daquele que era, para o que será.

O que a época de Yennefer sugere sobre a época de Geralt? E o que a época de Geralt revela sobre os eventos que Yennefer ainda não? Mais do que isso: que conexão existe, se houver uma, existe entre esses três personagens tão diferentes? São boas perguntas, vamos combinar.

A primeira temporada de The Witcher está disponível exclusivamente na Netflix