Na noite do último sábado (1) o Slayer realizou seu último show no The Forum na Califórnia, EUA. A turnê de despedida, batizada de "The Final Campaign", contou com a presença de centenas de fãs e um momento emocionante. Nele, o baixista/vocalista Tom Araya agradece ao público pelo apoio ao grupo durante os 40 anos de carreira. (veja o vídeo no final do texto)


Muito obrigado. Quero agradecer a vocês por dividirem o seu tempo conosco. Tempo é precioso. Então eu agradeço vocês por dividirem esse tempo. Vou sentir saudade de vocês, mas a coisa mais preciosa pela qual eu quero agradecer, é por vocês serem parte da minha vida.

O Slayer iniciou a turnê de despedida em maio de 2018, planejando tocar no máximo de lugares para os fãs assistirem um último show. A turnê teve duas passagens pelo Brasil: uma no Rock in Rio, e outra em São Paulo. Em 18 meses a banda fez mais de 140 apresentações em 30 países, com apoio de uma equipe de 32 pessoas. Embora se despeça dos palcos, o Slayer sai de cena recebendo muitos elogios da crítica pela atual turnê.

Confira o setlist do show na Califórnia:

01. South Of Heaven
02. Repentless
03. Postmortem
04. World Painted Blood
05. Hate Worldwide
06. War Ensemble
07. Stain Of Mind
08. Disciple
09. When The Stillness Comes
10. Born Of Fire
11. Payback
12. Seasons In The Abyss
13. Jesus Saves
14. Chemical Warfare
15. Hell Awaits
16. Dead Skin Mask
17. Show No Mercy
18. Raining Blood
19. Mandatory Suicide
20. Angel Of Death

O Slayer promove seu mais recente álbum, Repentless. Lançado em 2016, este foi o primeiro play da banda após de Jeff Hanneman, guitarrista e co-fundados da banda. Hanneman se aposentou após contrair em 2011 uma séria infecção que devora a carne e os tecidos humanos, depois de ser picado por uma aranha em seu quintal. O músico morreu em 2013, devido uma cirrose hepática relacionada ao álcool. 

Já Tom Araya comentou a possível aposentadoria em 2016. Em entrevista ao Loudwire, Araya falou sobre a dificuldade de estar na estrada após se casar e ter três filhos - Arisel Asa, Tomas Enrique e Tina Araya. Outro motivo que diminuiu a satisfação com turnês foi a saúde: Araya fez uma cirurgia no pescoço, de forma que não pode mais 'bater cabeça' - o famoso headbanging.