Devido a preocupações em torno do surto de coronavírus em todo o mundo, o próximo filme de James Bond, Sem Tempo para Morrer (No Time to Die), foi adiado por vários meses. O 25º longa de 007, que será o capítulo final de Daniel Craig como Bond, foi adiada de 10 de abril para 25 de novembro, quarta-feira antes do Dia de Ação de Graças no Estados Unidos. Este é um grande adiamento por parte da MGM, Eon e Universal, mas a esperança é que isso permita um lançamento global maior.



As bilheterias global sofreram um grande golpe desde que o surto de coronavírus começou no início deste ano. A China é o segundo maior mercado para a bilheteria no mundo, e o fechamento de cinemas em todo o país foi um duro golpe para a indústria como um todo.

"MGM, Universal e os produtores de Bond , Michael G. Wilson e Barbara Broccoli, anunciaram hoje que, após uma análise cuidadosa e uma avaliação completa do mercado global, o lançamento de NO TIME TO DIE será adiado para novembro de 2020", escreveu um tweet da conta oficial de James Bond no Twitter. "O filme será lançado no Reino Unido em 12 de novembro de 2020, com datas de lançamento mundiais a seguir, incluindo o lançamento nos EUA em 25 de novembro de 2020".



Novembro tem sido um grande mês para os filmes de Bond, com a maioria dos filmes da época de Craig e Pierce Brosnan escolhendo essa janela de lançamento tardio. Também vale a pena notar que Craig estrelou um dos maiores sucessos de novembro de 2019, "Entre Facas e Segredos", do diretor Rian Johnson.

A maior competição de bilheteria de "Sem Tempo Para Morrer" agora se tornará o próximo filme de animação da Disney, "Raya and the Last Dragon", que estreia no mesmo dia. Também estão chegando aos cinemas na semana de Ação de Graças o "King Richard" e "The Happiest Season".

via Comic Book