Mais uma semana chegou, e com ela... Pera, hoje tá diferente a quinta-feira não é mesmo? Devido ao X019 ter iniciado ontem e ter levado todo meu tempo para escrever, afinal, teve esse mega resumão dos anúncios além do live blog no Twitter. No Waka Talk de hoje, outro evento pois acabei de chegar do Santos Criativa Geek Festival. Agora te conto como foi o evento e o que ainda te espera.


O que é?

O Santos Criativa Geek Festival, ou Festival Geek, é o maior festival geek (na verdade nerd) gratuito do Brasil e acontece, como bem diz o nome, na maravilhosa cidade de Santos, litoral do estado de São Paulo.

O evento se desdobra com atividades rolando ao longo do dia no Centro Histórico da cidade entre o Arcos do Valongo (que vem se tornando o novo ponto dos grandes ventos na cidade) e no Museu Pelé. Esse ano o evento ocorre entre os dias 15 à 17 de Novembro e o homenageado desse ano foi Carlos Villagrán, o eterno Kiko.

Como foi o Festival Geek?

Dubladores de Chaves presentes no Festival Geek
Com três dias e meio de evento, não atoa é o maior evento do gênero no país, e com toda edição tendo uma homenagem, na primeira edição tivemos Maurício de Sousa e na segunda edição Castelo Ra Tim Bum, a abertura do festival contou Carlos Villagrán, o homenageado desse ano.

O destaque dessa sexta-feira estava nos painéis dos dubladores de Chaves, e na sequência, a vez da homenagem para Villagrán, Foram momentos muito bons não apenas pela nostalgia, afinal, com Chaves fazendo parte da infância de quase todo o público presente, impossível não lembrar de momentos do passado com Nhonho (Gustavo Berriel), Kiko (Nelson Machado), Chiquinha (Cecília Lemes) e Seu Madruga (Carlos Seidl) soltando falas marcantes.

Carlos Villagrán e Nelson Machado no Festival Geek
Quando chegou o grande momento, Villagrán subiu ao palco junto com Nelson para termos encontros dos Kikos. Ele deixou claro, e era visível, a felicidade de estar na cidade, pela homenagem e até recebeu palavras do Rei Pelé. Villagrán começou sua carreira tentando ser jogador de futebol, ama futebol, mas a vida o levou para a grande carreira que conhecemos.

Simpatia foi o que não faltou e comentou de tudo um pouco, de Chaves, da separação do seriado, sua carreira solo e como Kiko lhe deu e ainda rende momentos para a sua vida. Em especial fica aqui registrado o momento que ele se "joga" do palco para tirar algumas fotos, levando a loucura a equipe de seguranças que não esperavam que um senhor de 76 anos tivemos energia para isso.


Por dentro do evento

Como é costume também falamos de outros pontos que te interessam. Esse ano a organização mudou algumas coisas, e particularmente, senti que piorou a mudança. os amigos que foram juntos também ficaram com a mesma sensação.

A disposição das lojas ficaram ruins pois o espaço não foi bem utilizado e ficando apertado, por um detalhe, elas iniciarem uma passagem de grande movimento entre os locais do evento. Outra mudança que foi prejudicial foi na Artist Alley.

Sim, tem a "pelota cuadrada" no evento xD
Honestamente eu vejo que todo evento local que coloca uma Artist Alley, nunca sabe o que fazer com ela. No primeiro Festival Geek até que foi bem feito e o espaço era bom e visível. Esse ano os artistas ficaram escondidos e mal dava para vê-los, além de também serem ofuscados pelo palco principal ao lado deles.

No tocante a alimentação, honestamente... passei longe pois a cidade é um pouco cara nisso, e no evento, quando vi em uma barraca o assalto que era o salgado, segurei a fome. Já as lojinhas de bonecos e camisas estão interessantes e com valores variando do "eu compro" ao "nem fud...".


#FBF

Achou que por não ser quinta-feira não teria lembrança? Achou errado, otário. Às sextas temos FBF, o flashback friday, e como estamos falando do Geek Festival de Santos, hora de recordar como foi a primeira edição.

Na primeira edição o evento conquistou os visitantes, e levando em conta o dia de hoje, esperamos que o evento possa continuar melhorando e acerte os próximos passos com os problemas ocorridos nessa edição.



Até a próxima!