Nesse final de semana a Gen.G ganhou seu primeiro torneio de CS: GO em LAN com seu novo elenco contra a FURIA em uma performance dominante de 16-7, 19-15 no DreamHack Anaheim, levando para casa $ 50.000 e uma vaga no Masters Jönköping.



A Gen.G entrou no DreamHack Anaheim como azarão, mas deixou sagrou-se campeã com a recém-criada line norte-americana levando para casa o seu primeiro título neste fim de semana.

Os esperançosos percorreram em um grupo difícil com ENCE, MIBR e Complexity sem perder um mapa, antes de derrotarem a North nas semi-finais para se igualarem aos atuais melhores jogadores do Brasil, a FURIA.

Começando com a seleção de mapa da Nuke pela FURIA, a Gen.G saiu rapidamente do lado do CT para obter uma vantagem inicial de três rodadas. No entanto, a FURIA nunca esteve fora do jogo e respondeu de volta com cinco rodadas do lado T para ter um placar defensável.

Outro começo eletrizante no meio pela Gen.G acabou com as chances da América do Sul. Enquanto a FURIA parecia começar a solidificar seu half-CT às 14-7, Kenneth 'koosta' Suen realizou um clutch 1v4 insano para arruinar a economia da FURIA.


Sam 's0m' Oh foi sólido tanto no ataque quanto na defesa, pressionando o site A enquanto encontrava pick-offs em todo o mapa para acumular 26 kills com uma classificação de 1,55 na Nuke.

A Gen.G também manteve a dinâmica em sua própria escolha da Inferno. Embora eles tenham perdido a primeira rodada no lado T, conseguiram um plant que deu a eles a economia para começar a correr seu half.

A FURIA nunca foi capaz de ganhar mais de duas rodadas ao mesmo tempo, deixando sua economia em frangalhos pela metade, e os norte-americanos a exploraram. As execuções limpas garantiram que Gen.G tivesse uma vantagem confortável no meio da partida, com o jogo quase empatado.

No entanto, a FURIA começou a reverter as coisas durante o seu próprio intervalo. Conseguindo cinco das seis primeiras rodadas, eles estavam começando a voltar, trazendo de volta a apenas uma rodada.


Henrique 'HEN1' Teles quase conseguiu um clutch 1v3 para trazê-los de volta às 11, mas o IGL Damian 'daps' Steele da Gen.G firmou o navio e começou a guiá-lo para a vitória.

No entanto, a FURIA não deixou passar tranquilo por essas águas tornando se icebergs no caminho. Depois da Gen.G ter três match points, os brasileiros forçaram uma prorrogação com dois clutchs de 2 x 2 consecutivas.

É aí que o fogo foi intensificado e a Gen.G fez quatro rounds seguidos para levar para casa o mapa com 19-15 e o título da DreamHack Anaheim, e conseguir sua vaga para o Masters Jönköping.

via Dexerto