Mostrando que eu sou totalmente perdida no tempo e espaço, falei sem querer que o Play da semana passada era o último do mês. E não era, afinal a saideira de março começa agora, e está megamente especial por todos os motivos certos e tietes. Fechamos o especial Na Voz Delas™, após um mês todo invertido. Começamos com as celebrações costumeiras do Dia Internacional da Mulher, e agora vivemos uma vibe estranha pela pandemia do coronavírus.

O que eu venho dizendo, apesar disso, está mantido: não vamos parar. Mudanças vão rolar, claro, pois isso afetou o jornalismo das nerdices e popices. Logo eu explico tudo. Em outras, seguimos iguais: uma delas é manter a segunda-feira musical, dando o pique necessário em direção a dias melhores. 

E por que o Play de hoje é tão especial? Vamos de novo ao som de Céline Dion, com um clássico do retrô: 'Pour que tu m'aimes encore'. A música pertence ao D'eux, álbum mais vendidos na história da França. No dia 27 de março ele completou 25 anos de lançamento, o que é coisa ao considerar que ele é apenas um dos vários álbuns que a Céline lançou em francês - e no geral.

Mas calma, melhora: rigorosamente nesta segunda-feira, a cantora completa 52 anos de idade. E eu sei que já falei um milhão de vezes do quanto a Céline significa pra mim, mas... Vamos mais uma vez?

Eu olho pra várias cantoras, atrizes, todos os dias buscando algo nelas que me inspire a melhorar. Não é nem um pouco fácil. Nessa luta, pouca gente me proporcionou tanta mudança, e me segura no meu lado humano como a Céline faz. Com muito bom humor, sinceridade, uma visão profunda, inspiradora e corajosa da vida e das pessoas.

Com essa música eu venci ainda a cisma de não curtir ouvir Céline cantando em francês. Agora não só eu curto, e muito, como Céline Dion cantando em francês é a receita anti-ansiedade. E eu posso provar. Então em tempos de todo mundo tão estressado com tudo, aqui eu e você vamos ter um respira. Como não poderia deixar de ser, vamos com a versão a original, e um ao vivo maravilhoso da turnê Taking Chances.



Letra

J'ai compris tous les mots, j'ai bien compris, merci
Raisonnable et nouveau, c'est ainsi par ici
Que les choses ont changé, que les fleurs ont fané
Que le temps d'avant, c'était le temps d'avant
Que si tout zappe et lasse, les amours aussi passent

Il faut que tu saches

J'irai chercher ton coeur si tu l'emportes ailleurs
Même si dans tes danses d'autres dansent tes heures
J'irai chercher ton âme dans les froids dans les flammes
Je te jetterai des sorts pour que tu m'aimes encore

Fallait pas commencer m'attirer me toucher
Fallait pas tant donner moi je sais pas jouer
On me dit qu'aujourd'hui, on me dit que les autres font ainsi
Je ne suis pas les autres
Avant que l'on s'attache, avant que l'on se gâche

Je veux que tu saches

J'irai chercher ton coeur si tu l'emportes ailleurs
Même si dans tes danses d'autres dansent tes heures
J'irai chercher ton âme dans les froids dans les flammes
Je te jetterai des sorts pour que tu m'aimes encore

Je trouverai des langages pour chanter tes louanges
Je ferai nos bagages pour d'infinies vendanges
Les formules magiques des marabouts d'Afrique
J'les dirai sans remords pour que tu m'aimes encore

Je m'inventerai reine pour que tu me retiennes
Je me ferai nouvelle pour que le feu reprenne
Je deviendrai ces autres qui te donnent du plaisir
Vos jeux seront les nôtres si tel est ton désir
Plus brillante plus belle pour une autre étincelle
Je me changerai en or pour que tu m'aimes encore