Feliz aniversário! No dia 14 de abril o Judas Priest celebra 40 anos de "British Steel", sexto álbum de estúdio lançado em 1980 pela Columbia Records. Eleito pela Rolling Stone em terceiro lugar no top 100 dos maiores álbuns de heavy metal do mundo, British Steel também foi incluído no livro 1001 Álbuns Para Ouvir Antes de Morrer. O álbum foi ainda a estreia de Dave Holland na bateria do Judas Priest.

Resumão

Aquele clássico com C maiúsculo

Em British Steel, o Judas Priest repetiu o som mais comercial estabilizado em Killing Machine (1978). Na ocasião a banda deixou parte dos temas mais sombrios, destaque nos registros anteriores. Em 2017, durante o podcast Rolling Stone Music Now, o vocalista Rob Halford disse que a banda pode ter sido inspirada pelo AC/DC em algumas faixas, após os grupos saírem em turnê pela Europa  em 1979.

As gravações iniciaram em 1979 num local interessante: o Tittenhurst Park, casa do ex-Beatle Ringo Starr. Sampling digital não era um recurso amplamente disponível, então o Judas Priest foi criativo. A banda usou a gravação analógica para incluir sons como bandejas de talheres e tacos de bilhar em "Metal Gods", e vidros quebrando em "Breaking the Law".

O merchan

Para promover o álbum, três músicas viraram single: "Living After Midnight", "Breaking the Law" o sucesso maior do Judas Priest, e "United". Ainda em 1980, em março começou a British Steel Tour, com o Iron Maiden abrindo os shows realizados no Reino Unido. Nos EUA, parte dos shows teve as participações especiais de Def Leppard e Scorpions. Com mais de setenta datas, a turnê terminou no dia 23 de agosto em Nuremberg, Alemanha Ocidental.

Ganhando vida nova

British Steel foi remasterizado em 2001, e ganhou duas faixas bônus: "Red, White, and Blue" e uma versão ao vivo de "Grinder". A primeira foi escrita durante as gravações do álbum Turbo, em 1985, e a segunda em 1984, num show em Los Angeles que fez parte da turnê Defenders of the Faith.

Comemorando a meia idade

O que a gente mais precisava nesse momento

O Judas Priest correu pelos EUA com uma turnê para celebrar os 30 anos de British Steel, tocando o álbum na íntegra pela primeira vez. Vale registrar: os únicos álbuns os quais a banda tocou todas as faixas ao vivo, foram Defenders of the Faith e Rocka Rolla. Entretanto, nenhum deles foi performado na ordem da tracklist, ou na mesma turnê.

A tour rendeu um DVD e CD, gravados no show de 17 de agosto, na Seminole Hard Rock Arena em Hollywood, Califórnia. Em 2010, as versões ao vivo do British Steel foram liberadas para download jogadores de Rock Band.

A origem da capa

O pintor polonês Roslav Szaybo, ao tomar conhecimento do título do álbum, criou a capa que ficaria eternizada. Ela foi baseada na British Steel Corporation, uma companhia que produzia lâminas de aço. Szaybo faleceu em 2019, e nunca disse se a capa do álbum tinha algum conceito. Em 2001, entretanto, Halford citou algo interessante: por não haver sangue na lâmina, significava que "o heavy metal era afiado, mas não causava mal nenhum".

Vamos ouvir?

Nada como exercitar os músculos do pescoço batendo cabeça com heavy metal das antigas. Curtiu a viagem em mais uma leitura? Então bora lá soltar o play e ouvir esse clássico: