A era digital criou uma das "profissões" mais controversas da atualidade, o chamado influenciador digital. Pessoas que aparentemente possuem a vida perfeita e estão sempre prontas para te dizer o que fazer na vida, mesmo que na vida deles, não esteja as maravilhas que as fotos querem mostrar. Quando uma grande influenciadora morre de forma misteriosa, o cenário fica chocado e perguntas ficam no ar e nosso trabalho começa em Simulacra 2.



O que é?

Simulacra 2 é um jogo narrativo de suspense envolvente, que usa uma interface telefônica para contar uma história de terror criativa e que coloca o jogador no centro da experiência. Ao usar aplicativos familiares e explorar uma interface realista, o jogador deve descobrir o mistério e - esteja avisado, a verdade pode perturbá-lo! Simulacra 2 expande o formato "telefone encontrado" com novos aplicativos, uma narrativa mais complexa, um elenco maior e uma visão mais profunda de um universo alternativo assustador, onde nada é o que parece!

A história

Oi sumida...

A morte prematura - e não natural - da jovem influenciadora digital Maya Crane está sendo considerada um acidente. Mas o detetive Murilo suspeita que algo está errado. Ele recruta sua ajuda na investigação do caso e entrega a você uma peça crucial de evidência; o telefone da vítima. Usando suas habilidades de investigação e hacking, além da rede de influenciadores da vítima, cabe a você juntar as peças do passado da Maya.

Começando nesse mundo

O sobrenatural vai te perturbar as ideias enquanto joga mas outras situações talvez sejam mais perturbadoras na nossa mente. A começar pela interface do game simulando um smartphone é uma mistura de conforto, estranhar e ao mesmo tempo empolgar caso você seja do tipo de pessoa que adora fuçar celular alheio, digo, que ficou descuidado.

Antes de começarmos a investigação devemos escolher entre ser um detetive ou um jornalista. A diferença se nota nos diálogos com os suspeitos e até mesmo com Murilo quando começamos a interagir e ver como nos respondem.


O jogo gira em torno de alguns aplicativos para fuçar, digo, investigar a vida de Maya e de seus amigos do "Novos Começos", Arya, Rex e Mina. Todos são influenciadores em áreas distintas no qual Arya parecia ser rival de Maya nos negócios, Mina trabalha com música e vive na tristeza, enquanto Rex, ele é bem peculiar e parece andar entre a tênue linha do social de PUA ao cara que te leva pros esquemas de pirâmide.

Nem tudo é o que parece

Quanto mais vamos investigando, vasculhando os apps, mais vamos liberando e começando a fazer nosso julgamento, o que muitas vezes não bate com o que de fato poderia ser útil na investigação. Nosso principal app é o Warden. Por ele conversamos com o detetive Murilo, restauramos partes do smartphone, recuperamos arquivos em backup e podemos pesquisar sobre os casos investigados pela polícia.

Como estamos falando sobre influenciadores temos a nossa disposição a internet com o bowser Surfer, e ai vêm os apps que vão te lembrar alguns que você utiliza e é ai que a coisa fica boa para perturbar com suas ideias.

No Kimera postamos fotos com legendas sobre a mesma ou com motivacionais e completa com hashtags, recebemos comentários dos seguidores e você acabou de perceber que descrevi o que usamos na nossa realidade é esse aqui!


Já o Jabbr tecemos comentários com limites de caracteres e em geral comunicamos algo e falamos um pouco mais direto sobre algo, afinal, nessa rede foto não é o foco para tudo parecer lindo e belo. Se você pensou nesse site aqui, acertou.

Ficar atento a tudo nas redes sociais e nos arquivos do telefone são essenciais para progredirmos nas investigações, e olha, não tenha medo de colocar as pessoas contra a parede, isso pode te ajudar a progredir quando nada parece mais se encaixar.

Caso concluído

Com tudo isso e com as cenas live action colaborando, a imersão para resolver esse caso ajuda muito para dar um ar diferente na experiência. Por mais que estejamos lidando com simulacros, talvez o ponto da história, por mais supernatural que seja, ter uns toques que poderia acontecer algo similar na vida real, é onde (tem mais potencial de) mexe(r) mais conosco.

Simulacro: representação de pessoa ou divindade; representação/imitação; falso aspecto, aparência enganosa; copia mal feita ou grosseira; semelhança; susposto reaparecimento de pessoa morta...

Explore tudo sem medo, o caso se passa na noite de 28 de outubro (isso me espantou pois se chega no dia 29, é meu aniversário haha) e o sentimento de "24 horas" passa um pouco pela cabeça na corrida para solucionar o caso. O incentivo a explorar possibilidades, pistas e colocar o "Novos Começos" contra a parede é devido ao final do game.

Pra terminar com menos tensão

Na verdade o caso te entretendo, você provavelmente se anime com a imagem que aparece quando concluímos o game, e um pouco mais, com o extra que vou lhe dizer: são sete finais e apenas um é considerado o final bom. Como ele acontece? #investigue

Simulacra 2 está disponível para Nintendo Switch, Android, iOS e PC. A versão testada foi de PC via Steam