Team Liquid e 100 Thieves fora anunciados no fim da terça-feira (26) no torneio de Counter-Strike: Global Offensive (CS:GO) da Gamers Without Borders. A iniciativa traz uma série de torneios com foco em levantar fundos, e ajudar ONGs na luta contra o novo coronavírus. No torneio de CS:GO, a premiação será US$ 2 milhões. A transmissão será feita em diferentes idiomas, incluindo português, com os links listados no site oficial.

CS:GO: confira os grupos do BLAST Premier Spring Showdown

As duas organizações se enfrentarão numa série melhor de três mapas (MD3) valendo pela América do Norte. O vencedor levará a quantia de US$ 150 mil (R$ 807,9 mil) que será revertida para ONG de escolha. O segundo colocado fatura US$ 100 mil (R$ 538,6 mil), cujo destino será definido da mesma maneira.

Na Europa, a competição será um pouco maior. G2, Natus Vincere, mousesports, fnatic, FaZe e OG se enfrentarão entre os dias 29 e 31 de maio, num torneio produzido pela ESL. As partidas serão em MD3, com a grande final jogada numa MD5. A novidade é a introdução do formato Max Rounds 12 (MR12), que será testado. A redução do tempo das partidas tem sido tema recente de discussão, o que pode mudar com o MR12. Neste formato, o primeiro time a vencer 13 rounds, vence o mapa.

Veja, a seguir, como ficará a premiação do torneio europeu:

1. US$ 750 mil (R$ 4 milhões)
2. US$ 500 mil (R$ 2,6 milhões)
3. US$ 150 mil (R$ 807,9 mil)
4. US$ 150 mil 
5. US$ 100 mil (R$ 538,6 mil)
6. US$ 100 mil

Via HLTV