Que tal aumentar a sua qualidade na gameplay? Acadêmico do Centro de Ciência da Computação na Universidade de Glasgow e autor de livro sobre aprendizagem baseada em jogos, o britânico Dr. Matthew Barr tem como foco de estudo o potencial dos videogames em prol do desenvolvimento da habilidade das pessoas e do pensamento crítico.

Em parceria com Christopher ‘Duffman’ Duff, analista-chefe de LoL da G2, Michaela ‘mimi’ Lintrup, grande nome do Counter-Strike, e Topson, da OG, Barr revela algumas dicas simples para melhorar o desempenho em qualquer jogo eletrônico.
 
1.Divida o tempo em blocos
Quer enfrentar os adversários e duelar contra sua atenção e pálpebras ao mesmo tempo? De acordo com Barr, a melhor estratégia é fazer alguns intervalos ao longo do dia, pois isso aumenta a eficiência do cérebro. “Fazer pausas regulares de qualquer coisa que esteja se exercitando cognitivamente é uma maneira eficaz de permitir que o cérebro desempacote mais informações e se recarregue”, afirma, em entrevista ao Red Bulletin.
 
2.Seja o Mestre Kame de alguém
É melhor começar a procurar o seu Mestre Kame. Segundo Barr, o fato de você ensinar outra pessoa a jogar melhora o seu próprio desempenho. “Aqueles que ensinam os seus pares se tornam muito melhores em recordar informações e aplicá-las de forma mais eficaz. Um par de olhos frescos poderia até destacar as fraquezas da sua própria estratégia, principalmente em jogos como League of Legends, em que as táticas são cruciais”.
 
Mimi, de Counter-Strike, ainda ressalta o fato de que jogadores profissionais não estão imunes ao fato de esquecer o básico em momentos de pressão. “Isso também vai fazer você pensar acerca de todos os diferentes resultados de certas táticas, que você provavelmente não teria pensado se alguém não tivesse perguntado”.
 
3.Conecte-se com a natureza
Conectar-se com a natureza é essencial para melhorar as habilidades cognitivas. De acordo com Barr, o simples fato de abrir a janela, ter um local bem ventilado e ter contato com a luz natural já é um grande impulso. “Eu sempre quero ter a luz natural enquanto estou jogando. Prefiro ter o meu PC perto de uma janela. Se eu não receber a luz solar por um dia, começo a me sentir drenado e meu foco piora”, afirma Topson, da G2.
 
4. Analise o seu próprio desempenho e enfrente o novo
Assistir a uma gameplay após executá-la ajuda a identificar os pontos fortes e fracos. Segundo o estudioso escocês, a mente aprende a partir da reflexão sobre a experiência. Logo, revendo gameplays e contando com feedback de amigos e os espectadores de uma transmissão ao vivo, você consegue entender o padrão do seu jogo visando à diminuição da chance de derrota. Outra dica é jogar contra players que você nunca jogou, seja online ou com colegas. Isso fará você sair da zona de conforto e ativará novas abordagens.
 
5. Cuide de si
Se possível, procure locais em que haja menos ruídos e que você se sinta confortável, seja pela posição da cadeira ou o fone de ouvido que não desliza. Segundo Barr, “o cérebro é bom em filtrar o que é importante e o que não é”, logo, o ambiente que te conduza à concentração aumentará o desempenho.
 
Por fim, mas não menos importante, manter-se hidratado é fundamental, seja com água, Red Bull ou outra bebida relacionada ao fato. “Há evidências muito fortes que sugerem que, mesmo estando um pouco desidratado, você reduz a concentração, diminui o desempenho cognitivo e afeta as habilidades motoras”, afirma Barr.

via Canoa