Mais um mês, e sempre na primeira segunda-feira, vem aquela a: teremos tema no Play desse mês? Teremos sim, e um bem bacana, por sinal. Tô matutando ele desde março. Vamos falar de Coisa de Mãe™: quatro músicas das várias que a mãe da Pessoa que Vos Fala™ gosta. A primeira é boa por demais, por dois motivos: "Everytime You Go Away", do Paul Young.

Ela gosta da música por causa de uma memória bem antiga: um dia que ela pegou carona com meu pai (na época de namoro) e ir para praia. Aí tava o Paul Young cantando no rádio. Mesmo ela já tendo contado essa história várias vezes, eu acho um máximo ouvir de novo, pois eu também gosto do som pra caramba. Tem dia que a nossa convivência é tensa, a gente não se aguenta, mas no fim das contas, não tenho melhor amiga do que mamãe.

"Every Time You Go Away" é a clássica balada soft anos 80, impossível odiar. Daí sempre que ela conta essa história, a gente entra no mesmo assunto: difícil a vida sempre foi, mas você guarda esses momentos que deixam uma saudade boa. E é isso, eu peguei essa filosofia pra mim. Vida fácil não é uma realidade pro brasileirinho, mas eu me esforço em tirar alguma felicidade de quando é possível. E se vier acompanhada de uma boa música, bonus points.

Um pouco de contexto, porque contexto é tudo: o Paul Young é quase um one-hit wonder - aquele cara que você só conhece por causa de uma música. É porque "Every Time You Go Away" foi trilha sonora da novela A Gata Comeu, que a Rede Plim Plim exibiu em 1985. Mas ele tem outros sons de sucesso: "Love of the Common People", "Wherever I Lay My Hat", "Come Back and Stay".

E eu entendo mamãe, porque tenho uma memória igual, só mudam uns detalhes.

Quando mais nova, eu e meus pais íamos a praia à noite - quando o RJ permitia fazer isso. Eu adoro a praia à noite, ou no fim da tarde. A gente ficava por lá, conversava, tirava foto, brincava com os gatos que sempre tinham lá, às vezes levava a nonna e comprava pizza. Era a farofada noturna. No retorno, era batata tocar ou "Spanish Eyes", ou "Live to Tell", da Madonna. Tempos simples, onde já tinha crise na saúde, política, economia, mas a gente ainda conseguia sorrir

Então é isso que eu quero: fazer você sorrir, musicando. Bora lá.


Letra

Hey! If we can solve any problem
Then why do we lose so many tears
Oh, and so you go again
When the leading man appears
Always the same thing
Can't you see
We've got everything goin' on and on and on

Every time you go away
You take a piece of me with you
Every time you go away
You take a piece of me with you

Go on and go free, yeah
Maybe you're too close to see
I can feel your body move
It doesn't mean that much to me
I can't go on sayin' the same thing
Just can't you see
We've got everything
Baby even though you know

Every time you go away
You take a piece of me with you
Every time you go away
You take a piece of me with you

I can't go on sayin' the same thing
'Cause baby, can't you see
We've got everything goin' on and on and on

Every time you go away
You take a piece of me with you
Every time you go away
You take a piece of me with you