A etapa de Barcelona do Porsche Esports Carrera Cup teve nome e sobrenome: Jeff Giassi.

O catarinense fez jus a posição no top10 que ocupa no Porsche TAG Heuer Esports Supercup e dominou as duas baterias no Circuit de Catalunya.


Largando da pole position na primeira bateria, Jeff foi impecável. Grand Chelem para ele após vencer de ponta a ponta e registrar a melhor volta da corrida. O grande destaque da primeira bateria ficou por conta de Luiz Felipe Tavares. Largando da última fila por conta de uma punição, o representante virtual do carro Lego conquistou nada menos do que 28 posições para receber a bandeirada final na quinta colocação.

O até então líder do campeonato, Erick Goldner, não teve vida fácil na primeira bateria e terminou na sexta posição. O top5 da primeira largada da noite foi composto por: Jeff Giassi, Eduardo Borgert, Rodrigo Baronio, Renan Azeredo e Luiz Felipe Tavares.

Com a inversão do grid, Daniel Machado largou da posição de honra na segunda bateria.

A largada da segunda bateria ficou marcada por um “big one” que vitimou mais de 10 carros. O incidente demandou safety car por mais de 12 minutos. Após a confusão, Cesar Froener figurava na liderança seguido de perto por Erick Goldner. E a relargada foi marcada por um toque entre os líderes que jogou Froener para a última colocação e rendeu a Erick Goldner um drive thru que tirou suas pretensões na corrida.

Jeff Giassi, que sobreviveu bem a todas as confusões assumiu a liderança com menos de cinco minutos para o final da prova e de lá não saiu mais.

Subiram ao pódio com Giassi na segunda bateria Rodrigo Baronio e Márcio Campos.

O grande destaque da etapa ficou por conta de Jeff Giassi e suas duas vitórias que recolocaram o catarinense na liderança do campeonato com 167 pontos, sendo 80 deles obtidos em Barcelona. Eduardo Borgert escalou para a segunda colocação no campeonato com 155 pontos e Erick Goldner é o terceiro colocado com 140 tentos.

O Porsche Esports Program Brasil é uma iniciativa da Porsche Brasil em conjunto com a Porsche Cup Brasil, com patrocínio da TAG Heuer e parceria técnica com o IRB e-Sports.

Na próxima super-quarta (29) as emoções serão por conta da terceira etapa do Porsche Esports Sprint Challenge em Montréal, no Canadá.


As corridas:

Jeff Giassi larga a primeira bateria da posição de honra depois de conseguir vantagem de mais de 0s5 para o seu companheiro de primeira fila, Eduardo Borgert.

Largada espetacular do representante brasileiro no Porsche TAG Heuer Esports Supercup. Ao completar da primeira volta, o líder já tinha vantagem de mais de 2s.

O líder do campeonato, Erick Goldner largou bem, mas foi tocado no meio da primeira volta e perdeu posições na parte interna do circuito. Grande destaque da primeira volta foi Luis Felipe Tavares. Largando da última fila por conta de punição, o representante do carro Lego conseguiu assumir a 12ª posição, nada menos que 21 ultrapassagens nos primeiros giros.

Na quarta volta, Luis Felipe Tavares entrou no top10 após passar Cesar Froener. O líder Jeff Giassi já acumulava 4s5 de vantagem na liderança. O top5 era composto por Giassi, Borgert, Baronio, Ariel e Campos após os cinco minutos disputados.

Em disputa pela 16ª posição, Bruno Rezende e Tamy Accioly se tocam após tentativa de mergulho pelo piloto do #5.

A segunda posição foi colocada em disputa na metade da prova. Eduardo Borgert, Rodrigo Baronio e Gustavo Ariel disputavam a posição. Os três andavam muito próximos naquele momento da prova, menos de 1s separavam os pilotos. Gustavo Ariel assumiu a terceira posição em belo movimento contra Baronio.

Luizinho Gonzaga, outro piloto que não fez o quali por conta de punição foi outro piloto que conseguiu mais de 20 ultrapassagens até a metade da prova.

Gustavo Ariel erra curva e quase capota após toque de Rodrigo Baronio. O incidente tira Ariel da briga pela segunda posição. Enquanto isso, em disputa pela sétima posição, o líder do campeonato Erick Goldner começou a receber ataques do destaque da prova, Luis Felipe Tavares. O carro Lego assumiu a quinta posição após passar o representante da Shell.

Grand Chelem para Jeff Giassi na primeira bateria em Barcelona. O #7 venceu com 13s de diferença para o segundo colocado. Top5 ficou composto por Jeff Giassi, Eduardo Borgert, Rodrigo Baronio, Renan Azeredo e Luiz Felipe Tavares.

Com a inversão do grid, Daniel Machado largou da posição de honra. E após a luz verde um big one que vitimou diversos carros. Prova com bandeira amarela e safety car após o incidente. Cesar Froener ficou com a primeira posição, Goldner era o segundo.

Após mais de 10 minutos com safety car, bandeira verde para o reinício da prova. Nova confusão com o líder Cesar Froener. Outro que se prejudicou na relargada foi Erick Goldner que caiu para 15º.

Jeff Giassi, saindo de 10º, após todas as confusões já figurava na terceira posição. Rodrigo Baronio era o líder com mais da metade do tempo disputado.

Pouco mais de 10 minutos para o final da etapa e Jeff Giassi assumiu a segunda colocação. O representante brasileiro no mundial de Esports da Porsche abriu caçada ao líder da prova.

César Froener fazia boa corrida de posição após ser tocado na relargada. Depois de cair para último, o dono do carro #85 já brigava pelo top10.

Giassi assume a liderança após bela manobra contra Rodrigo Baronio. Após assumir a ponta, o carro #7 já apresentava diferença de quase 1s para o segundo colocado.

Goldner caiu para 18º após ser penalizado com o drive thru. O então líder do campeonato teria menos de cinco minutos para conquistar um lugar melhor na classificação.

Com duas voltas para o final, a disputa pela quinta colocação envolvia quatro pilotos. Menos de 1s entre o quinto e o oitavo colocado.

Fim de prova com dupla vitória para Jeff Giassi, completaram o pódio na segunda bateria Rodrigo Baronio e Márcio Campos.


O que eles disseram:

“Extremamente feliz com os resultados de hoje. Literalmente não tinha como vir um resultado melhor hoje. Isso mostra que meu treino deu certo para etapa e consegui manter a cabeça no lugar durante as corridas. Esse foi meu melhor resultado no ano e provavelmente meu melhor resultado na carreira. Muito feliz mesmo pela etapa que eu fiz hoje.”

Jeff Giassi

“Não foi fácil essa etapa. Tivemos bastante tempo para treinar e trabalhar no carro para Barcelona. A equipe colocou cinco carros entre os 11 primeiros, mas ninguém esperava o ritmo impressionante do Jeff hoje. E mesmo como nosso ritmo, não conseguimos acompanhar o pace dele. As disputas foram limpas em todas as etapas e isso foi bacana. Feliz com os pontos e com o resultado.”

Eduardo Borgert

“Primeira bateria estávamos na dúvida do acerto do carro e meu desempenho não foi o ideal. Para a segunda acertamos o carro e o desempenho foi melhor. Feliz pelo resultado e por ter escapado do big one. Foi uma boa etapa em relação aos pontos para o campeonato.”

Rodrigo Baronio


Resultados

Corrida 1:
Jeff Giassi
Eduardo Borgert
Rodrigo Baronio
Renan Azeredo
Luiz Felipe Tavares
Erick Goldner
Willian Candido
Raphael Silva
César Froener
Daniel Machado

Corrida 2:

Jeff Giassi
Rodrigo Baronio
Márcio Campos
Eduardo Borgert
Bruno do Carmo
Gustavo Ariel
Roger Rezende
Adaildo Vieira
Bruno Fernandes
Cesar Froener


Campeonato (top10)


Jeff Giassi – 167 pontos
Eduardo Borgert – 155
Erick Goldner – 140
Gustavo Ariel – 131
Rodrigo Baronio – 130
Márcio Campos – 129
Renan Azeredo – 103
Luis Felipe Tavares – 97
Cesar Froener – 97
Daniel Machado – 76