Yakuza: Like a Dragon, novo título da série Yakuza, ganhou classificação etária da Entertainment Software Rating Board (ESRB). E sem surpreender aos fãs da franquia, o jogo recebeu classificação "M" - de Mature, por conteúdos impróprios para menores de 17 anos. Um dos motivos que levou a tal classificação, entretanto, é um caso a parte.

Shin Megami Tensei III: Nocturne HD Remaster é anunciado para PS4 e Switch


O jogo segue Ichiban Kasuga, um yakuza de ranking baixo que retorna ao seu clã depois de cumprir uma sentença de 18 anos. Assim, espere ver sangue, violência, temas sexuais, uso de álcool e por aí em diante. A parte que mais chama atenção, entretanto, é o "Extreme Bondage Attack". Segundo a descrição da ESRB, trata-se de um ataque especial onde uma mulher usando lingerie amarra o inimigo. Bondage, de certa forma.

Confira o texto:

Este é um jogo de RPG de ação no qual os jogadores seguem a história de uma yakuza de baixo nível (Ichiban Kasuga) envolvido em uma disputa entre clãs rivais. Os jogadores realizam missões, aprimoram habilidades de combate e lutam com clãs inimigos em combates por turnos.

Os jogadores selecionam ataques/feitiços de um menu antes de assistir os personagens darem socos, chutes e arremessos; feitiços/ataques especiais incluem rajadas de fogo e assistências exageradas (por exemplo, um homem atacando com um ralador gigante).

Os ataques finalizadores podem desencadear efeitos de câmera lenta e zoom da câmera que destacam atos violentos. Os efeitos de sangue acompanham vários ataques (por exemplo, facadas/golpes). Cutscenes também mostram atos intensos de violência: um homem cutucando os olhos de um rival com os polegares; um personagem baleado na cabeça; um homem preso espancado com canos e bastões.

O jogo contém algum material sexual: personagens discutindo a venda de vídeos pornográficos para crianças menores de idade; um ataque especial (Extreme Bondage Attack) representando uma mulher de lingerie amarrando o inimigo alvo; personagens que limpam tecidos sujos em um bordel (por exemplo, "Fluidos corporais realmente não são o meu negócio").

Durante o andamento do jogo, os jogadores podem visitar bares para pedir bebidas alcoólicas, recuperando a saúde durante as batalhas (o status do personagem às vezes é listado como "sh*tfaced"); Às vezes, os personagens são vistos tropeçando e falando arrastado quando estão bêbados. A palavra "f **k" aparece no diálogo.

Yakuza: Like a Dragon chega para PC, PS4, Xbox One e Xbox Series X. Ainda não temos data exata, mas o jogo está programado para ser um dos títulos de lançamento do Series X. Com isso, ele tem janela de lançamento "para 2020". Quem sabe não temos mais novidades no Xbox Games Showcase, que acontece nesta semana? Uma pessoa pode sonhar.

Via CB