E de atraso em atraso é que a vida faz uma pessoa irritada, mas voltamos.

Terceira semana do Agosto das Popices! Nas semanas anteriores choramos as mágoas com "Exile" da Taylor Swift, e "Sine From Above" da Lady Gaga. Duas músicas excelentes de álbuns melhores ainda. Hoje vamos dar um salto em 2015 e buscar outra pérola: "Control", da Halsey, que já passou pelo Play com a igualmente ótima "You Should Be Sad".

Amor ao primeiro "A" dito

Não é difícil você se apaixonar pela cantora. Depois de ouvir, ouvir e ouvir o Manic, a tiete em mim claro que foi conferir se a Halsey tinha mais álbuns... E tinha! Caí no excelente "Badlands". Por isso já fica o aviso: a palavra "excelente" vai ser repetida mais algumas vezes nesse texto.

Sobre o álbum

O álbuns é tem os pés em várias vertentes do pop - synth, dark, eletro. Já gostei disso porque eu ainda adoro música eletrônica. Ele é bizarro, soturno, bem produzido, e não vem para ser seu amigo. Tem dias que é esse o tipo de música que você quer/precisa ouvir, então na primeira ouvida eu já fiquei de coração aberto pros tapas na cara musicais.

Segundo a cantora, o nome do álbum é referência ao seu estado de espírito quando "Badlands" foi escrito - detalhe, aos 19 anos, hoje a Halsey tem 25. Foi a forma de criar a metáfora para uma mente solitária e desolada, o que é muito bom. Eu adoro músicas alegres, canto e danço com todas. Mas tem dias que é esse o tipo de música que a gente quer se afundar ouvindo. É uma catarse pra tudo de ruim que tá acontecendo na vida.

future sight, ele às vezes é muito doido.

Sobre a música 

"Control" é uma música irritada. (pudera, olha o tema...) A Halsey além de afinada, é gosto demais de ouvir cantando tudo: música dançante, feliz, introspectiva, dark. A música tem uma melodia e uma batida que fazem lembrar o tema do Templo da Floresta de Ocarina of Time, sem brincadeira. O que é uma ironia imensa: eu tinha medo desse tema quando joguei OoT pela primeira vez. Amo essa coisa de contexto.

A letra de "Control" é excelente por ser ruim. Mas não ruim de qualidade. O estado de espírito que a cantora descreve - no momento atual da vida, eu me identifico demais com ele. Particularmente, eu diria que é a música a qual define melhor o estado de espírito do álbum. Então como eu não dou dica furada, vai mais essa: Solte o play em "Control", e depois ouça o álbum completo:


Letra 

They send me away to find them a fortune
A chest filled with diamonds and gold
The house was awake
With shadows and monsters
The hallways, they echoed and growned

And I sat alone in bed till the morning
I'm crying: They're coming for me
And I tried to hold these secrets inside me
My mind's like a deadly disease

I'm bigger than my body
I'm colder than this home
I'm meaner than my demons
I'm bigger than these bones

And all the kids cried out
Please stop, you're scaring me
I can't help this awful energy
Goddamn right, you should be scared of me
Who is in control?

I paced around for hours, I'm empty
I jumped at the slightest of sounds
And I couldn't stand the person inside me
I turned all the mirrors around

I'm bigger than my body
I'm colder than this home
I'm meaner than my demons
I'm bigger than these bones

And all the kids cried out
Please stop, you're scaring me
I can't help this awful energy
Goddamn right, you should be scared of me
Who is in control?

I'm well acquainted
With villains that live in my bed
They beg me to write them
So they'll never die when I'm dead

And I've grown familiar
With villains that live in my head
They beg me to write them
So I'll never die when I'm dead

I'm bigger than my body
I'm colder than this home
I'm meaner than my demons
I'm bigger than these bones

And all the kids cried out
Please stop, you're scaring me
I can't help this awful energy
Goddamn right, you should be scared of me
Who is in control?

And all the kids cried out
Please stop, you're scaring me
I can't help this awful energy
Goddamn right, you should be scared of me
Who is in control?