A ESIC (Esports Integrity Comission, Comissão de Integridade do Esports em tradução livre) anunciou nessa sexta (4) que vai analisar 25 mil demos de diversos torneios de CSGO para verificar se mais coachs se beneficiaram do "bug do spectator", a atual bomba do cenário atingiu até os brasileiros dead (MiBR) e guerri (Furia).



Com auxilio dos juízes que revisaram as diversas demo que revelaram os usos atuais do bug, Michal Slowinsk e Steve Dudenhoeffer. Confira alguns pontos de como serão realizadas as investigação:

Comunicado oficial da ESIC

A ESIC acredita que a detecção, exposição e punição de qualquer entidade envolvida em trapaça em esportes eletrônicos atendem aos melhores interesses da integridade competitiva e, em última análise, aos interesses da indústria.

Após uma análise cuidadosa dos volumes de material disponíveis para revisão da ESIC, temos motivos para acreditar que a exploração do Spectator Bug por outras partes além das já sancionadas pode ter existido historicamente. Consequentemente, a ESIC decidiu abrir um inquérito sobre a exploração do Spectator Bug desde 2016.

O inquérito será concluído da seguinte maneira (resumido para facilitar a compreensão, mas mais complexo na realidade):
  1. Análise de aproximadamente 25.000 demos relativos a jogos CS: GO jogados entre 2016 e 2020 (tanto por meio do uso de IA quanto por inspeção visual). A análise começará nas demonstrações de 2020, voltando no tempo para as demonstrações de 2016;
  2. Com base nas evidências encontradas, a ESIC concluirá sobre as sanções padronizadas que se aplicarão às partes infratoras;
  3. Revisão manual das principais demonstrações de suspeitos, determinações feitas pela ESIC de acordo com as sanções padronizadas; e finalmente
  4. Liberação pública de tranches de sanções padronizadas em um mês


Duração e relatórios

Devido à carga de trabalho envolvida, a ESIC estima que a investigação levará aproximadamente 8 meses para ser concluída (sujeito a complicações adicionais que podem surgir durante o processo investigativo). A ESIC emitirá um relatório mensal (se forem necessárias determinações substanciais) ou um relatório trimestral (se forem necessárias determinações não substanciais).

Aplicabilidade das determinações emitidas como resultado da investigação

De acordo com todas as investigações conduzidas pela ESIC, nossas determinações terão efeito em todos os nossos membros, incluindo ESL, DreamHack, BLAST, WePlay, Eden Esports, UMG, UCC e muito mais. O processo de apelação da ESIC estará disponível para qualquer indivíduo que deseje apelar de uma determinação feita ao Painel Disciplinar Independente.

Período de confissão

A ESIC reconhece que as pessoas às vezes cometem erros e se arrependem de suas decisões. Na opinião da ESIC, sempre que possível, é importante trabalhar para a reforma e reabilitação das partes ofensivas em indivíduos que valorizam a integridade competitiva e podem recomeçar a servir a comunidade CS:GO. Consequentemente, a ESIC abrirá um 'Período de Confissão' para todas as partes infratoras que desejam avançar antes de nossa investigação com uma admissão de transgressão. O Período de Confissão abre a partir da data deste comunicado e será fechado no dia 13 de setembro 2020 às 23:00 CET.

Após a avaliação de uma admissão, e sujeito à discrição do Comissário, a ESIC pode optar por aplicar uma concessão a qualquer sanção que possa ser aplicada ao ofensor com base na presença e qualidade da admissão fornecida.

Colaboração com HLTV.org

A ESIC gostaria de agradecer ao HTLV.org por seu apoio nesta investigação. A HLTV.org ajudará a ESIC fornecendo acesso completo a aproximadamente 5 TB de imagens de demo, armazenadas em seus servidores. Sem esse acesso, a investigação exigiria uma quantidade considerável de recursos adicionais para ser concluída. O apoio da HLTV.org à nossa investigação é um indicador claro de seu apreço pela integridade competitiva no cenário CS:GO, bem como sua sensibilidade para maus atores na comunidade.

Mensagem para a comunidade CS:GO

Agradecemos o apoio que temos visto em nosso trabalho de proteção da cena contra maus atores. Entendemos que a semana passada de revelações foi difícil para muitas pessoas na comunidade CS:GO. Fique tranquilo, a ESIC está fazendo tudo ao seu alcance para garantir que possamos desenraizar e remover atores mal-intencionados para o benefício da cena em longo prazo.

Para quaisquer questões adicionais relacionadas com este assunto, contacte-nos em info@esic.gg.

A operação não tem um nome oficial mas conforme título do post, nossa comunidade já está carinhosamente chamando de "Caça Cypher", "Taxa Cypher" e similares. 

via ESIC