Se ontem (1) foi um dia triste para o brasileirinho fã de Counter-Strike após a ESL anunciar punição de seis meses em Ricardo "dead" Sinigagia devido a usar um bug do espectador do game no qual a câmera ficava mais livre e permitindo outras visões, que normalmente, o espectador não deveria conseguir. Hoje (2) foi exibido um clip onde mostra que Nicholas "guerri" Nogueira também se utilizou do bug.



Michal Slowinski, juiz responsável por fazer a analise das demos, exibiu um clip no qual Guerri utilizou o bug durante todo o mapa em partida contra a Complexity pela ECS Season 7 Week2 em 2019.



No dia anterior a essa partida ele indica que Guerri teve o mesmo problema conta a LG, contudo, reconectou ao server para corrigir o problema. O treinador da Furia se manifestou sobre o ocorrido e confirmou o uso e prometeu soltar um vídeo explicando o ocorrido.



Essas polêmicas ainda pode piorar pois de acordo com um testemunho da lenda do NaVi, Sergey "starix" Ischuk, e traduzido e publicado pelo pessoal do Draft5 ele indica que esse bug está presente desde 2016. Então brasileirinho, se as buscas forem ainda mais retroativas, existe um mundo onde o cenário todo do CSGO fica em cheque.

O que vocês estão achando dessas revelações todas no CS? Deixei seu comentário.

Atualização 03/09/20 - Guerri postou seu vídeo explicando o ocorrido: