A humanidade possui certa obsessão com a beleza, ou com o que acredita ser beleza. Desde a Grécia Antiga, até mesmo antes dela, existem padrões considerados os ideais para algo ou alguém ser bonito. Nos dias atuais, a viralização do Instagram e o uso excessivo de filtros e apps de edição criaram um padrão ainda mais inalcançável. Natalia Moreno, autora paulista, retrata essa problemática em seu livro Marcas da Vida, publicado pela Editora Grupo Novo Século e na Amazon em e-book.

Na obra, a protagonista Lilian, atriz no auge da sua carreira, vê sua vida mudar abruptamente quando sofre um acidente de carro. Além de perder seu noivo, o ocorrido lhe deixou com um psicológico abalado e muitas cicatrizes. Se sua autoestima já estava abalada, tudo piora quando começa a se relacionar com Marcos, um publicitário cercado de belas mulheres. 

O livro, assim, vai mostrar a trajetória de Lilian para aceitar sua aparência e entender que o conceito de beleza é muito relativo. A obra se propõe a trazer reflexões de como a busca por uma perfeição que não existe pode acarretar em problemas emocionais e fazer com que a pessoa se ache inferior. 

Além disso, marcada pela tragédia do acidente e das consequências deste, a protagonista perde suas aspirações. No entanto, em suas aulas de teatro, ela conhece a filha de Marcos, a qual reacende aos poucos em Lilian a vontade de viver. Ao se relacionar com a garota e seu pai, a protagonista remodela os conceitos que tinha de família. 

Natalia Moreno é conhecida por suas histórias carregarem questões importantes como o amor próprio, a aparência e a relação familiar. Com Marcas da Vida não é diferente, a autora consegue de uma maneira reflexiva fazer o leitor questionar atitudes da nossa sociedade sobre a aparência perfeita, o conceito de família e a responsabilidade pelos nossos atos. Com isso, a autora busca, por meio de suas histórias, conscientizar os seus leitores além de entretê-los.

Sobre o livro

Marcas da vida conta a história de Lilian, uma atriz no auge da carreira, que vê sua vida ser destruída quando sofre um acidente de carro. Com um contrato cancelado e cheia de contas a pagar, Lilian torna-se professora de teatro. Segue sua vida sem grandes aspirações até que uma aluna nova reacende nela o sonho de ter uma família.

A professora, esperançosa, mas ainda marcada pelas tragédias de sua história, embarca em relacionamento com Marcos, um publicitário bem-sucedido, cercado de prestígio e belas mulheres. Para não desistir da felicidade, Lilian terá de lidar com os seus fantasmas e se enxergar além do que vê no espelho.

Sobre a autora

Natalia Moreno, nasceu em Porto Feliz, interior de São Paulo. Formada em Letras e Pós-graduada em Literatura Inglesa e Cultura e Literatura (foco em lit. indígena e africana) é professora de língua portuguesa e literatura, palestrante em escolas sobre a importância da leitura na formação profissional e individual. 

Autora dos livros Quando eu me Amar, Do Caos à Esperança, Marcas da Vida, Depois da Tempestade, Destino Traçado e Horizonte Azul – a arte do amor.

Redes sociais

Twitter: moreno_nath
Instagram: moreno_nath