Se vida do pequeno e iniciante criador de conteúdo no Youtube já estava com uma barreira de desafio considerável, agora, o Youtube soube como piorar as coisas para tentar incentivar seus criadores. As novas atualizações dos termos de uso revelam uma mudança na monetização do site e isso afeta canais que não estão aptos de capitalizar.

O Tecnoblog destacou um dos pontos que mais chamam a atenção:


Com a mudança, os termos de serviço do YouTube passarão a indicar que o dono do canal concede à plataforma o direito de monetizar o conteúdo, mas que o acordo “não dá direito a nenhum pagamento”. O texto indicará ainda que os pagamentos acontecem em acordos do Programa de Parcerias e de outras fontes de receita, como membros do canal e Super Chat.


Em outras palavras, mesmo que você não tenha batido a meta de ter 1000 inscritos e 4000 horas assistidas nos últimos 12 meses para poder aplicar ao Programa de Parcerias, o Youtube exibirá os anuncios no seu canal, vai manter o percentual padrão dele, e provavelmente mais, enquanto seu canal ganha anuncios e você não recebe a fatia a qual teria direito.

As mudanças começam nesse dia 20 de Novembro no Estados Unidos e chega aos outros países ao ongo de 2021.