O quadro que vocês mostraram que ama está de volta com mais uma polêmica da Twitch, na verdade um punhado delas para comentarmos. Desde ainda não sabermos sobre os bans e possíveis absolvição de Sheviii2k à Doc Disrepect, a propibição de novas palavras e agora a pseudo liberação da putaria em detrimento da família. Não entendeu? Arrasta pra cima, digo, vamos por partes.


As novas palavras proíbidas na Twitch

Surgindo repentinamente como uma intenção muito boa de tentar melhorar o ambientes da live streams, o que especialmente poderia resultar nas muié ter um pouco de paz e menos donates, ao anunciar que agora quem digitar as palavras simp, incel e virgin, vão de base.

E sim, emotes que possuam essas palavras no nome também serão rippados.

Essa mudança causou reação no público e logo a Twitch precisou se explicar que tudo depende do tom que for empregado ao utilizar as palavras, ou seja, na teoria aquela zuera entre amigos pode chamar alguém de gado/simp, se não, toma dias indefinidos de ban.

A ideia principal da Twitch é diminuir o assédio nas lives e melhorar o ambiente. O curioso que ao mesmo tempo que muita gente de fato tem comportamento babaca, muitos streamers "domaram" essas escórias das webs e os tornaram bons patrocinadores via donates. Até dia 22/01/21 a Twitch tem tempo para ajustar a ideia e não dar ban torto e falando nisso...


Mostrar as partes íntimas é menos pesado que um insulto ou uma criança

No dia desse texto (21/12/20) aconteceu o alinhamento de Júpiter e Saturno? Também, mas o fun fact foi a jogadora de Valorant na INTZ e streamer, Tayhuhu, foi banida por tempo indeterminado devido a sua filhar ter aparecido na live enquanto ela foi atender a entrega da comida que pediu via app.

Ironicamente a streamer Miss Behavin saiu do seu ban de três singelos dias. O motivo do ban? Pensou que estava no Câmera Prive e mostrou a perseguida e o furo. Sim, isso aconteceu como você pode ver aqui.

Não é a primeira vez e nem será a última que a Twitch não vai acertar sua mão com esses bans e sempre parece piorar quando envolve os streamers brasileiros (aliás segue a gente clicando aqui). Super Xandão tomou outro gancho de 30 dias pois um peito apareceu no filme que ele estava assistindo com seus seguidores na live.

Esse ano já mostramos para vocês alguns casos bizarros de ban como na vtuber Melody, Dr. Disrespect, Donald Trump (não foi bizarro mas vale ser citado), Amouranth, brasileirinhos do LOL, Alinity e outros.


Waka Talk

A Twitch tentar melhorar o ambiente é muito que bem-vindo mas nada vem sendo bem feito desde o primeiro anúncio com um comitê de moderação. Algo que se fala há muito tempo e não acontece por nada até o momento é a plataforma ser mais clara em seus bans, e especialmente, ter com quem conversar. Se vemos nomes gigantes sempre tweetar que quando o ban vem, simplesmente eles não têm com quem conversar, imagine criadores menores ou iniciantes?

Além disso mais do que já passou o tempo de ter pessoas na plataforma para os streamer poderem entrar em contao, especialmente no Brasil. Temos dois canais entre os que mais faturaram em 2020 e com frequência vemos que o canal mais assistido no mundo semana a semana, e obviamente no mês, é o Gaulês.

Se as coisas não tiverem uma melhora seria de bom tom nomes fortes migrarem para concorrência que possibilite fazer uma live, e nisso, podemos ver Doc Disrespect muito bem vivo no Youtube e o Typical Gamer tendo no Fortnite números melhores que o do Ninja, sendo o streamer azul um dos nomes mais famosos com o game.

A Twitch é uma plataforma legal com ferramentas interessantes e altas maneiras de personalizarmos nosso conteúdo, no entanto, nós ainda somos donos de nós e de nossas escolhas.

Atualização 21/12 - 21h: Tayhuhu conseguiu a liberdade e isso é milagre que deve ser comemorado.