O Telegram voltou aos holofotes no início deste ano, após usuários deixarem o WhatsApp devido a mudança nos termos de serviço. Mas o mensageiro não está apenas indo na fama de carona. O site TestingCatalog divulgou informações sobre o novo Telegram Beta, e a atualização 7.5 irá introduzir widgets, QR codes para entrar em grupos, além de opções para denunciar conteúdo.


Entrando em grupos


No grupo e na frente do canal, agora é possível convidar usuários através de um QR code. Também foi introduzido o suporte para limitar links de convite de chat em grupo: agora as pessoas podem usar um link por tempo limitado, ou até que o limite de membros seja atingido. Os administradores de grupo também poderão configurar um cronômetro personalizado para excluir automaticamente as mensagens do grupo.



Denuciando mensagens


A partir desta versão, os usuários poderão denunciar mensagens aos moderadores do Telegram por spam, violência, abuso infantil, pornografia ou "outros". É possível até denunciar várias publicações de uma vez. Cogita-se que esta é a resposta do Telegram às crescentes preocupações sobre desinformação e propaganda sendo espalhada pelo aplicativo em alguns países, como a Alemanha.

Widgets

 

A versão 7.5 também apresenta dois widgets, um deles o 2x2 com espaço para até quatro miniaturas com marcadores não lidos. O outro widget é o 5x2, que exibe pequenas visualizações de seus chats e canais, similar ao WhatsApp. Por padrão, os widgets exibem os contatos mais frequentes, mas é possível escolher os chats preferidos em uma caixa de diálogo que aparece quando você adiciona um deles em sua tela inicial.

E tem mais

O TestingCatalog também encontrou evidências de que o Telegram está trabalhando em um novo tipo de chat chamado grupo de transmissão. Ele é parecido com um canal, mas permite que os membros selecionados conversem e comentem. No momento não é possível criar esses grupos.

O Telegram Beta não está disponível na Play Store. Você pode acessar o conteúdo instalando o APK separadamente, por meio do repositório do Telegram no Microsoft App Center.