Imagem: Divulgação

Entre tantos sentimentos, esperanças, pé atrás e um sonho, chegou o dia do mundo ter o veredito e confirmar a esperança ou descrença com a Liga da Justiça de Zack Snyder, ou, o Snyder Cut. Com tantos sentimentos prévios justificáveis um detalhe ainda estava para todos: após 4h saberíamos se vimos algo que o mundo deixou de ganhar, ou não. Vamos falar sobre o filme.


Abalo

Imagem: divulgação

Se você chegou aqui e ainda não sabe o porquê a Liga da Justiça ganhou outro lançamento, vamos te ajudar a entender esse momento triste. Em meio as produções do primeiro filme em 2017 Zack Snyder e esposa tiveram um grande abalo em suas vidas com sua filha Auntumn que se suicidou aos 20 anos de idade.

Com isso ele se afastou do projeto, obviamente, e com uma Warner sedenta a tentar conseguir um respiro contra os voos bem sucedidos do seu rival, continuou o projeto que sofreu algumas mudanças e contou com Joss Wheedon, ainda abalado por perder a confiança que conquistou na Marvel, assumindo o comando da Liga da Justiça.

De modo geral o filme de 2017 é fraco, é um "ok/fraco" e tem muito do que Zack Snyder idealizou para seu filme. Como não era 100% seu filme, e, com a história que sua versão existia. Começou a campanha pedindo o lançamento do "Snyder Cut".

Lançar o Snyder Cut foi uma vitória para os fãs mostrando que união na internet ainda pode render coisas boas (e eles realizaram diversas campanhas ajudando ao próximo para o lançamento do filme) e também uma vitória para os estúdios em ver tanta gente dispostas a consumirem o lançamento e terem lucro extra com a Liga da Justiça.


Um filme igual mas diferente

Imagem: divulgação

Agora situamos de forma resumida sobre o lançamento da Liga da Justiça de Zack Snyder, vamos falar so filme ou seria uma série? Desde o anuncio e ideias sobre a nova versão, e sua duração, dava para entender que o filme na verdade seria uma dessas séries que juntando os episódios formam um filme, ou quase o filme inteiro já lançado como os exemplos nacionais de "O Alto da Compadecida" e "O Doutrinador".

A história é contada em partes e isso te ajudará caso as 4h possam ser um ponto de reflexão entre encarar ou não o filme. O projeto é um dos mais longos filmes já lançados e superam até mesmo filmes antigos que ostentavam recordes de mais de 3h de duração.

Agora que você também resolveu tankar, vamos lá! A história desse filme é a mesma do primeiro filme e muitas coisas não mudam, elas se mantém tão fiéis que a luz amarela acende na hora, mas torcedores, calma!

Com uma duração maior algumas cenas que era boas, ganharam mais detalhes; cenas ok tiveram uma melhora e outras foram bem desnecessárias ou com exagero do "toque do diretor". Outra coisa que se mantém são algumas cenas parecem sem conexão com a outra ou com o futuro da história. Existe uma que link pro pós-créditos, mas essa cena em específico, seria uma das melhores se não fosse pela aparição de um personagem que vazou antes do filme.


A Liga da Justiça de Zack Snyder

Com todas as mudanças as principais que podemos sentir é um melhor trabalho de apresentar os personagens novos, um pouco mais de importância em personagens que foram poucos explorados na primeira versão e algumas mudanças que não dão um grande impacto, mas ajuda visualmente para algumas ideias.

Outro ponto que será facilmente notado é como existem diversas mensagens anti-suicídio reforçando um apelo mais sentimental nessa versão, com o triste ocorrido na vida de Zack Snyder

Apesar de ser basicamente a mesma história, com algumas cenas desnecessárias, a remoção de cenas que serviram para nada no primeiro filme ajudou e muito a melhorar o impacto das decisões aqui. O grupo começa a funcionar como uma equipe e vai lembrar um pouco um filme de equipe lançado em 2012.

Dessa vez cada herói teve seu momento de brilhar e o final até surpreende com o que seria, de fato, o final do filme até um herói fazer a sua boa. A história funciona mais próximo de ser apenas de um filme e alguns detalhes se fossem retirados, melhoria ainda mais esse sentimento e resultado final.

Ao final do dia a Liga da Justiça de Zack Snyder não é o filme perfeito que pintam, tão pouco um desastre que alguns temiam pela experiência de 2017, mas sim, temos um filme da Liga da Justiça que funcionou, entretêm e dá aquele sentimento que valeu a pena ver o filme.

O pós crédito eu particularmente não gostei e deu aquele sentimento ruim do filme de 2017 e gera aquele feels de que o pé faz assim, mãozinha pro lado e você já entendeu. A parte final desse curta pós crédito é mais forte e podia ter sido melhor pensada e deixaria a espera pela continuação...

... mas a continuação não existe e sabe outra coisa que abala? Esse filme que deu bom, que não passou de ano implorando meio ponto do professor, é que o projeto que deu bom, que dava uma esperança melhor para quem continua com seus papéis em suas respectivas continuações, não existe! O filme não é canônico mas a boa experiência, é!

Obs: se você se questiinou o por quê o Snyder Cut foi rodado em 4:3 a sua projeção? Assim como a história, em sua boa parte, é sobre o luto.

Liga da Justiça de Zack Snyder está disponível nos diversos serviços de streamers disponíveis no Brasil por tempo limitado.