A Super Semana do Brasileirão Rainbow Six Siege 2021 marcou o fim do primeiro turno do campeonato e definiu as equipes classificadas para a Copa Elite Six da América, a “Libertadores do R6”. A Team Liquid, até então líder do torneio, não conseguiu bons resultados na reta final e foi ultrapassada pela FaZe Clan, que venceu dois jogos e assumiu novamente a ponta da tabela de classificação.

 

O fim de semana ainda reservou um emocionante duelo entre Ninjas in Pyjamas e Team oNe, que buscavam vagas para o torneio continental. Outro destaque foi o INTZ, que chegou a três vitórias consecutivas, embalou e deixou a lanterna do campeonato. A equipe bateu NiP e W7M Gaming para somar mais seis pontos.

Após os resultados do fim de semana, a tabela de classificação ficou da seguinte forma: a FaZe Clan terminou como líder do primeiro turno com 20 pontos conquistados, seguida pela Team Liquid, que tem os mesmos 20, mas fica atrás pelos critérios de desempate. Atual campeão, o MIBR aparece em terceiro, com 18, e a FURIA Esports é a quarta, com 16. Fecharam o G-6 a Ninjas in Pyjamas, com 14, e a Team oNe, com 12. Black Dragons (11), INTZ (9), Santos Esports (8), além da lanterna W7M Gaming (7) completam a tabela.

O BR6 2021 retorna em junho, após as disputas da primeira edição da Copa Elite Six da América e da Copa do Brasil. Vale ressaltar que a tabela de classificação permanece com as pontuações acumuladas pelas equipes durante o primeiro turno do campeonato. 

Os jogos do Campeonato Brasileiro acontecem aos sábados e domingos, sempre a partir das 13h, com transmissão ao vivo dos canais do Rainbow Six Esports Brasil na Twitch e no YouTube. Para mais informações sobre os campeonatos profissionais de R6, visite o site r6esportsbr.com

Confira abaixo como foram as disputas da Super Semana:

Team Liquid tropeça e FaZe Clan reassume liderança provisória (16/04, sexta-feira)

Team oNe 7x8 FURIA Esports

 

Logo na primeira partida da sexta-feira, um duelo de tirar o fôlego. No mapa Chalé, Team oNe e FURIA Esports trocaram rounds no início, até que a Pantera conseguiu emplacar três rounds em sequência e chegar ao match point. Os Golden Boys reagiram e levaram o confronto para a prorrogação, mas no fim a adversária conseguiu a vitória por 8 a 7.

 

“Foi uma partida difícil, mas já esperávamos que o jogo aconteceria no Chalé ou no Clube, estudamos muito o confronto deles contra a FaZe Clan, então preparamos estratégias novas para surpreender, e deu certo. Eles tiveram desempenhos individuais muito bons, mas vencemos no conjunto, aproveitando as brechas que deram em alguns momentos. A FURIA nos dá um suporte muito bom, que nos ajuda no aspecto psicológico para mantermos a calma em momentos de adversidade, e isso foi crucial para vencermos o jogo de hoje também”, declarou Luiz “Kizi”, analista da FURIA.

 

Team Liquid 7x8  Black Dragons

 

E a sexta-feira continuou emocionante. Em mais um jogo decidido na prorrogação, a Black Dragons venceu a Team Liquid por 8 a 7. No mapa Oregon, a BD abriu boa vantagem atuando na defesa, mas na virada de lados a Cavalaria tomou a frente do placar e teve a chance de definir a partida em um match point. Os Dragões reagiram, superaram o adversário no tempo extra e conquistaram mais dois pontos na tabela. Apesar da derrota, André “nesk” foi um dos destaques do confronto, com 23 eliminações.

 

O coach da Black Dragons, Henrique “sSeiyah”, falou sobre a importância da boa atuação defensiva: “Conseguimos executar o planejamento que fizemos para o mapa, começar na defesa e acumular uma sequência de rounds no início para administrar a partida. Na troca de lados, a equipe entrou com uma leitura errada, as táticas acabaram não dando muito certo. No fim, ajustamos alguns pontos, a Liquid deu espaço e aproveitamos para sair com a vitória, estávamos muito motivados para sair com um resultado positivo”.

 

W7M Gaming 4x7 FaZe Clan


O primeiro jogo da rodada que não foi para a prorrogação teve W7M Gaming e FaZe Clan como protagonistas. A W7M começou bem a partida e venceu quatro dos cinco primeiros rounds. A ótima atuação defensiva surpreendeu o adversário, mas a vantagem adquirida no início não foi suficiente para que a equipe garantisse a vitória. A FaZe se recuperou, impôs o seu estilo de jogo com uma defesa sólidaconquistou seis rounds seguidos e venceu por 7 a 4. Com o resultado, a FaZe garantiu a classificação para a Copa Elite Six da América com um jogo de antecedência. 

 

Matheus Ramalho, coach da equipe, exaltou a oponente e o poder de reação de seus comandados: “Fomos surpreendidos com a estratégia de defesa deles, mas depois conseguimos nos recuperar. Nossa estratégia de ataque não foi eficiente, mas nossa defesa é forte, e eu já previa que eles encontrariam dificuldades. Mantivemos nosso estilo de jogo e as coisas funcionaram”.

 

MIBR 5x7 Team oNe

 

Mais um duelo acirrado envolvendo a Team oNe encerrou o dia. Dessa vez, os Golden Boys encararam a line-up do MIBR, velha conhecida da organização. No fim, quem levou a melhor foi a T1, que abriu vantagem por 4 a 2 no mapa Litoral - com destaque para um ace aplicado por Karl “Alem4o” logo no segundo round - e depois soube administrar bem as ações do jogo para conseguir fechar em 7 a 5 e somar mais três pontos na tabela de classificação.

 

“O estilo deles é agressivo, então nos preparamos para isso. Com um bom trabalho de drones bem posicionados, conseguiríamos aproveitar essa maneira deles de jogar para conquistar vantagem numérica, aproveitar os espaços durante a partida e vencer os rounds”, declarou Arthur “TchubZ”, coach da Team oNe. 

 

MIBR vence Black Dragons com tranquilidade e encaminha vaga para Copa Elite Six da América (17/04, sábado)


FURIA Esports 7x2 W7M Gaming


No primeiro duelo do sábado, a FURIA venceu a W7M sem grandes dificuldades. Com um desempenho defensivo impecável, a equipe triunfou por 7 a 2 no mapa Litoral. Em um início de jogo avassalador, venceram os quatro primeiros rounds e conquistaram uma vantagem que deu tranquilidade para o restante da partida. Com o resultado, a Pantera garantiu a classificação à Copa Elite Six da América, e a pequena chance que os Bulls tinham de disputar o torneio acabou após a derrota.


“A gente sabia como a W7M iria se comportar no mapa, tínhamos consciência de que eles não têm um ataque tão eficiente. Como precisavam do resultado positivo para continuar com chances de classificação, jogamos essa responsabilidade para eles. A estratégia foi de tirar a pressão do nosso time, e fizemos uma ótima partida”, afirmou Luiz “Kizi”, analista da FURIA.

 

Team Liquid 7x2 Santos e-Sports


A Liquid foi impecável no ataque e venceu a equipe do Santos por 7 a 2 no mapa Clube. O jogo refletiu a fase das duas equipes, e a Cavalaria conseguiu dominar a partida do início ao fim. Com a vitória, retomou provisoriamente a primeira colocação do BR6, enquanto o Peixe continuou entre os últimos colocados.

 

João “muringa”, atleta da Team Liquid, destacou a capacidade de adaptação da line-up: “Nossa equipe havia treinado bastante com o Santos, já prevíamos que Clube não seria um mapa confortável para eles. Fizemos uma leitura do adversário e mudamos a nossa postura em relação aos treinamentos para conseguir surpreendê-los. Esse foi o grande mérito do nosso time para sairmos vitoriosos”.

 

Black Dragons 1x7 MIBR


Com uma atuação de primeiro nível, o MIBR venceu o duelo contra a Black Dragons pelo placar de 7 a 1, encaminhando a classificação para a Copa Elite Six. As equipes ocupavam posições próximas na tabela, e o duelo no mapa Litoral prometia ser equilibrado. Os Dragões vinham embalados após a vitória contra a Liquid na sexta-feira, e o MIBR buscava se recuperar da derrota para a Team oNe. O que se viu na disputa, no entanto, foi um domínio absoluto do time de Luca “LuKid”, que superou o adversário com facilidade. 

 

“Diria que ganhamos o jogo antes de ele começar. Contra a T1, fomos pegos de surpresa, e eles acharam que nós perderíamos de novo. Tivemos essa sensação de que eles iriam subestimar a nossa equipe, até porque o Litoral é um mapa arriscado. Permanecemos com a mesma tática, mas mudamos a postura. Vencemos o jogo pelo aspecto psicológico”, declarou o atleta do MIBR, Tassus "reduct".

 

Ninjas in Pyjamas 4x7 INTZ


No último jogo do dia, o INTZ bateu a NiP por 7 a 4 no mapa Consulado. A partida começou disputada, mas os Intrépidos foram cirúrgicos na parte ofensiva e conquistaram uma vitória importante, que tirou o time da última colocação do campeonato. Os Ninjas não conseguiram impor seu estilo de jogo e o trabalho coletivo da equipe não funcionou. Dessa forma, os Ninjas foram para o último compromisso do primeiro turno precisando vencer para garantirem uma vaga no top 6 e a classificação para a Copa Elite Six.

 

Igor "igoorctg", analista e coach do INTZ, falou sobre a vitória: “Conseguimos sair da última colocação e vencer um ótimo time. A nossa tática foi de incomodar e tirar a equipe deles da zona de conforto, é uma line-up experiente, que gosta de jogar à vontade. Conseguimos efetuar a estratégia treinada e conquistamos um resultado importante”.

 


NiP e Team oNe garantem as duas últimas vagas para a Copa Elite Six da América (18/04, domingo)

 

FaZe Clan 7x4 FURIA Esports


Um jogo eletrizante entre FURIA e FaZe Clan abriu a transmissão no domingo. Com uma postura de defesa agressiva e eficiente no aspecto coletivo, a FaZe garantiu a vitória por 7 a 4 no mapa Clube. O duelo colocou frente a frente duas equipes que representarão o Brasil na Copa Elite Six. Com o triunfo, a FaZe chegou aos 20 pontos e reassumiu a liderança do campeonato, ultrapassando a Team Liquid nos critérios de desempate.

 

“O grande mérito do nosso time foi ter realizado um bom trabalho tático e coletivo. Optamos por um jogo de trocação de balas e fomos eficientes. Não queríamos mostrar nossas estratégias em outros mapas, então foi bom termos jogado no Clube. Queremos ficar no topo e brigar por títulos, o time está crescendo, estamos no caminho certo”, afirmou Leandro Portela, manager da Faze Clan.


INTZ 7x5 W7M Gaming


No segundo jogo do dia o INTZ bateu a W7M por 7 a 5 no mapa Mansão e conquistou sua terceira vitória consecutiva e consolidou sua reação no campeonato. A equipe teve calma e, com ótimas jogadas individuais, superou os Bulls para se afastar da lanterna. Com os resultados do fim de semana, os Intrépidos subiram duas posições, deixando a oponente do domingo na última colocação.

 

Hoje foi um dos poucos jogos do campeonato que entramos como favoritos, mas esperávamos um confronto difícil porque o mapa escolhido era previsível. Tentaram nos surpreender, conseguiram incomodar, e por isso tivemos um pouco de dificuldade para fechar o jogo, mas mantivemos a calma no final e conquistamos a vitória”, declarou Igor "igoorctg" Santos, analista e coach do INTZ.

 

Ninjas in Pyjamas 7x4 Team oNe


No duelo mais esperado do dia, a NiP venceu a T1 por 7x4 no mapa Consulado, garantindo a classificação para a Copa Elite Six da América. A Team oNe teve dificuldades para surpreender o adversário, mas conseguiu se classificar para o torneio continental porque a equipe da Black Dragons foi derrotada pelo Santos no encerramento da rodada.  Após um início de jogo equilibrado, os Ninjas foram impecáveis na parte defensiva e atuaram de modo consistente para conquistar o triunfo. A experiência do time comandado por Gustavo "Psycho" foi fundamental para o resultado positivo. 

 

João “kamikaze”, da NiP, falou sobre o aspecto emocional do confronto: “O time deles é mais novo, e eles ainda não tinham passado por situações de pressão. Era um jogo decisivo, e o nervosismo atrapalha muito na hora de atacar, para ser efetivo é preciso estar confiante e atuar de forma rápida. Eles foram lentos, nós conseguimos neutralizar as táticas de ataque e saímos vitoriosos”. O jogador completou ressaltando o estilo imprevisível que a equipe deverá apresentar na Copa Elite Six: Somos um time versátil. Podemos manter as mesmas estratégias utilizadas até o momento ou mudar para surpreender os nossos adversários. Vou deixar para a imaginação do público como será a NiP na Elite Six.” 


Black Dragons 2x7 Santos


Com muita agressividade, o Santos surpreendeu ao bater a Black Dragons por 7 a 2 no mapa Oregon. O resultado foi importante para o Peixe ultrapassar a W7M não terminar o primeiro turno na lanterna do BR6 2021. O jogo era muito importante para a BD, que precisava vencer para se classificar para a Copa Elite Six. Mas, com uma atuação inteligente e equilibrada, o Santos explorou o nervosismo dos Dragões. Destaque para o atleta Fábio "Hxnteer", principal peça na ótima atuação da equipe santista.

 

“O maior mérito foi ter entendido como a nossa equipe funciona, conseguimos ser explosivos, mas mantivemos a calma para finalizar os rounds. Ser um time agressivo no ataque faz parte da nossa filosofia. Hoje tivemos equilíbrio, soubemos lidar com o tempo. Acredito que encontramos a nossa identidade”, afirmou Daniel “Lend4”, coach do Peixe.


Team Liquid 1x7 MIBR


Com um ace de Luca “LuKid” logo no primeiro round, o último jogo da Super Semana começou mostrando que seria um dia desfavorável para a Team Liquid. A partida que marcou a reedição da final do BR6 2020 teve novamente um amplo domínio do MIBR. De maneira avassaladora, o time bateu a Cavalaria por 7 a 1 no mapa Oregon e chegou à terceira colocação do torneio. A equipe de “LuKid”, grande nome do confronto, foi impecável defensivamente, e a Cavalaria não conseguiu se recuperar na partida.

 

O atleta Kaique "Faallz", do MIBR, exaltou os pontos fortes apresentados na partida: “Os dois times estavam classificados, então a equipe deles provavelmente escondeu algumas estratégias. Mas nós tivemos muitos méritos, foi um grande jogo. Estamos entrosados, atuando como um time. Mantivemos a nossa filosofia e ajustamos os últimos detalhes para chegarmos bem na Elite Six”.


Confira os resultados da quinta semana do Brasileirão Rainbow Six Siege 2021:




Confira a classificação atualizada do Brasileirão Rainbow Six Siege 2021:


Confira as datas de todas as partidas do primeiro turno do campeonato:



via Press FC